• Postado por Tiago

A lei 14.737 entrou em vigor no dia 17 de junho. A norma estabelece a obrigatoriedade de serviço de segurança prestado por gente capacitada em casas lotéricas e agências dos Correios na Santa & Bela. Na capital, em quatro lotéricas e Correios visitados pela reportagem do DIARINHO nesta terça-feira, a turma desconhece a lei.

Cabreiros com a chegada da reportagem, os concessionários não quiseram se identificar. Unânimes, comentaram que souberam da lei porque a mesma tava com a viadagem, que não se negou a deixar uma cópia com eles.

“Se isso tiver mesmo que acontecer, teremos que ter um encontro com a Caixa Econômica Federal, porque eles terão que dividir conosco esta despesa. Sabemos da importância de manter o ambiente seguro, uma vez que as lotéricas funcionam praticamente como um banco, porém, é um custo que não podemos arcar”, comenta C.L., concessionário de uma lotérica na região continental da capital.

Na ilha, F.G., concessionário do Correios também ficou pasmo. “Sabemos da importância e em outro momento até pagamos seguranças sem a necessidade de leis. Só que como o custo é muito alto tivemos que encerrar o contrato. Sinceramente não sabemos desta lei”, diz. Leia mais na edição de amanhã do DIARINHO.

  •  

Deixe uma Resposta