• Postado por Tiago

O fim de semana foi macabro pros lados de Itapema. O corpo de Neri de Oliveira, 50 anos, foi encontrado nos fundos de uma casa abandonada na rua 116, no centro de cidade. O corpo tava no meio de uma poça de sangue, caído no chão. A polícia ainda não sabe dizer se foi um crime ou morte natural.

Neri foi encontrado por um de seus irmãos. Estava estarrado nos fundos da baia, que já foi a sede do diretório municipal do PMDB. Ele tava no meio de uma poça de sangue. Os bombeiros foram chamados, mas quando chegaram não havia mais nada que poderia ser feito pra salvar a vida do coitado.

O corpo foi encaminhado pro Instituto Médico Legal (IML) de Balneário Camboriú. Seu irmão, E.P., contou à polícia que o irmão estava doente e não procurou tratamento médico.

O delegado Carlos Dirceu acredita que a morte tenha sido natural. Mas isso somente será confirmado depois do resultado de exames dos órgãos internos da vítima, que foram encaminhados ao Instituto Geral de Perícias, em Floripa.

Uma das suspeitas é a de que Neri tenha morrido de cirrose. Como o corpo ficou uns três dias no local até ser encontrado, chegou a sair sangue da boca e orelha, o que explicaria a poça em torno do corpo. Mas a teoria somente vai ser confirmada depois do lado dos técnicos do IML.

  •  

Deixe uma Resposta