• Postado por Tiago

Acabou-se a farra pra um traficante que escondia a erva do Bob Marley pra sua clientela dentro da cueca. O sem-noção foi guentado ontem de manhã no bairro dos Municípios, em Balneário Camboriú. Ele ainda não tinha passagem pela puliça e fez sua estreia com a porcariada perfumada.

Era por volta das 11h30 da manhã quando os milicos que davam umas bandas pela rua Corupá, e que a essas alturas já tavam com a pança roncando de fome, viram um viciadinho mais conhecido que moeda de um pila saindo de uma baia. Eles pararam o cara e deram uma geral, pra ver se tava premiado com drogas.

Os meganhas não acharam nada com ele, mas o apertaram pra ver se ele contava o que tinha ido buscar na casa de onde tinha acabado de sair. Encagaçado, o malaco respondeu que tinha tentado comprar marofa de um trafica que vivia ali, mas o cara teria se negado a vender pra ele.

Achando que nesse mato poderia ter um baita cachorro, os fardados pintaram na baia e chamaram Paulo Joel Alves dos Santos, 36 anos, pra um plá. Bastou darem umas apalpadas no mulambento pra verem que ele tinha sete buchinhas de erva do Bob Marley, enroladas numa embalagem de plástico, escondidas na cueca fedorenta.

Os meganhas lascaram o teje preso e o convenceram a deixar que dessem um bizú cuidadoso dentro da casa. Eles acharam mais um torrão grande de marofa, com quase 50 gramas, dando sopa, e R$ 20 em notas miúdas, que o cara teria ganhado negociando drogas.

Paulo, que ainda não tinha nenhuma passagem pela puliça, foi levado pra depê. De lá seguiu pro lotadaço cadeião da Maravilha do Atlântico, onde vai curtir uma bela temporada vendo o sol nascer quadrado.

  •  

Deixe uma Resposta