• Postado por Tiago

INTERNA_7_abre-direita_---Banheiros-escola-15-de-junho_foto-menina-superpoderosa-(4)

Só um banheiro da sala dos professorres tá funcionando

A situação é crítica na escola estadual 15 de Junho, no bairro Cidade Nova, em Itajaí. Os cerca de mil alunos que estudam por lá tão passando um perrengue danado pra fazer xixi e cocô. Os dois banheiros construídos especialmente pra atender a gurizada tão entupidos e foram interditados. Pra não deixar a criançada apertada, os banheiros dos professores foram abertos, o que tá rendendo a confusão por lá. ?Na hora do recreio sempre tem fila aqui?, reclama uma estudante de 13 anos.

O banheiro da criançada não é usado há dois meses e o WC que era pra ser só dos professores não é suficiente pra atender todo mundo. São dois banheiros do lado feminino e somente um do lado masculino, já que o outro também está interditado. ?É bem difícil assim, porque é muita gente aqui, né??, disse o estudante L.C.S., 11 anos.

Débora Francisco, 35 anos, mãe de dois estudantes, disse que já reclamou do problema pra diretoria da escola e até pra secretaria regional de educação. ?É um absurdo essa situação. Cadê a higiene que tanto estão pedindo por causa desses casos de gripe?!?, questiona.

Pra entrar, tem que gritar

A escola 15 de Junho tá jogada às traças e não precisa nem passar da porta pra constatar o problema. A secretaria tá fechada. No balcão que era pra atender quem chega, tem uma janela de madeira com grade.

O DIARINHO teve acesso ao lado de dentro da escola com a ajuda de uma professora, que quase se esgoelou pra conseguir entrar no local de trabalho. Uma porta de madeira separa a criançada da rua. A fessora bateu, gritou e depois de cerca de 10 minutos apareceu uma servente com a chave. A reportagem entrou na escola, bizolhou tudo, bateu foto, perguntou pela diretora, que não estava no local. Ninguém perguntou o que a repórter fazia por lá.

É hoje

Maria Alice Pereira, gerente regional de educação, disse que a partir de hoje tudo começa a ser resolvido no 15 de Junho. ?Nós vamos fazer um levantamento de toda a estrutura física e pedagógica da escola. Os problemas serão resolvidos?, prometeu.

  •  

Deixe uma Resposta