• Postado por Tiago

Motoras não respeitam o sinal da preferencial

Muito motorista tem esquecido as regras de trânsito na esquina entre as ruas 1536 e 916, no centro de Balneário Camboriú. Pra quem passa por lá todos os dias, a esquina está mal sinalizada e o povão não respeita a placa de pare, razão de rolar muitos porradaços. Pelas contas do diagramador Rafael Oliveira, 23 anos, acontecem dois acidentes por semana no local.

A rua 1536 é mão dupla e preferencial, mas vários motoras que passam por lá não se ligam disso, reclama o leitor. Quem segue pela rua 916 deveria parar na esquina, mas poucos dão bola pra sinalização e tocam reto. O resultado são trombadas feias. ?Sempre que vou levar minha esposa no serviço eu paro, mesmo não sendo minha obrigação, porque já sei como é?, conta.

A preocupação de Rafael é porque aquela área é escolar. Bem perto da esquina, existem quatro escolas com crianças de todas as idades. O leitor tem medo que um dos porradaços possa atingir a molecada. ?Outro dia quase uma caminhonete passou por cima do meu carro. Imagina o que não pode acontecer com uma criança daquelas??, alerta.

Jeferson Martins, 23, é dono da lanchonete que fica bem na esquina maldita. Está careca de ver as batidas. Jeferson diz que falta sinalização pros motoras. Pra ele, a placa de pare está escondidinha e a faixa branca, pintada no meio da rua, está gasta. ?Poderia ter até uma lombada ali?, sugere.

Em defesa dos motoristas, o vendedor Fábio Almeida, 25, afirma que é quase impossível o motorista se ligar que tem que parar na esquina da rua 916, já que a sinalização está apagada. ?Passo direto sempre. Até tento olhar, mas quando vejo, já estou em cima?, admite.

  •  

Deixe uma Resposta