• Postado por Tiago

Martin Desmaras é consultor para os mercados norte-americano e português da Santa Catarina Turismo (Santur), empresa do governo do estado. Ontem, estava no Canadá vendendo um pouco das belezas de Santa Catarina para os gringos. Atributos, diz o consultor, não faltam para a Santa & Bela ser um dos melhores destinos do país quando o assunto é turismo.

Os estrangeiros já perceberam o potencial catarinense. E vários fatores ajudaram. Um deles são as belezas naturais ainda preservadas. “Ainda que para nós haja crítica sobre a preservação, o turista internacional se encanta com nossa natureza exuberante”, comenta. A organização do estado, a limpeza e a qualidade na recepção e nos serviços também têm ajudado a trazer os gringos pra cá.

Pelo menos quatro grandes filões tem apontado o turismo catarinense como bom mercado na visão dos estrangeiros. O turismo de negócios e eventos, o ecoturismo e o voltado para o público gay. Para ter ideia da importância desse último, Florianópolis disputou com centenas de cidades de todo o mundo e em 2012 será sede de uma conferência mundial de operadores de turismo gay.

O consultor lembra que na edição de 11 de janeiro deste ano, o The New York Times trouxe um caderno com o ranking das 44 melhores cidades para o turismo no planeta. Floripa estava lá. E, gaba-se Martin, na 23ª posição. O New York Times é considerado um dos principais jornais dos Estados Unidos e tem 158 anos.

  •  

Deixe uma Resposta