• Postado por Tiago

INTERNA-ABRE-PAG-19---s---Tomaz-Hermes(SC)_Oakley-SC-Surf-Pro-2009_Foto-Basilio-Ruy

Baixinho Tomas Hermes é um dos catarinas que estará competindo com os phodões na Brava

Depois de anunciar o calendário pra 2010, a associação de Surfistas Profissionais (ASP) divulgou a premiação que cada etapa distribuirá pros atletas participantes. Confirmada pra rolar de 5 e 10 de outubro, a disputa do WQS da praia Brava, em Itajaí, vai dar 145 mil dólares pros brous, cerca de 250 mil reales. A premiação é a maior possível, já que a etapa peixeira será de nível seis estrelas.

Surfista da Barra Velha, Tomas Hermes gostou da volta de Itajaí ao circuito WQS. ?Achei legal. Nos outros anos também teve um nível alto. Itajaí é um lugar que me identifico, então achei legal ter voltado pro circuito?, fala o nanico, que já confirmou sua presença nas ondas da Brava.

O total dos prêmios que serão dados em todas as etapas brazucas ? somando o da etapa peixeira – chegará a 1,5 milhão de dólares, um recorde na história de um país desde que a divisão de acesso foi criada, em 1992. Com as outras três etapas na América do Sul ? duas no Peru e uma no Chile ?, o total aumenta pra 1,7 milhão de dólares.

Assim como vai rolar em Itajaí, outra etapa WQS masculina no estado vai distribuir 250 mil mangos. Vai ser o Maresia Surf International, na praia Mole, em Florianópolis, de 17 a 23 de maio. Ainda na capital, o SuperSurf International, no Costão do Santinho, em março, será quatro estrelas e distribuirá 85 mil dólares, cerca de 145 mil reales, assim como a do Farol de Santa Marta, em Laguna, de 22 a 27 de junho.

Pra bater a marca de todas essas premiações, o maior valor distribuído em 2010 sairá do Hang Loose Santa Catarina Pro, que vai rolar na praia da Vila, em Imbituba. No entanto, essa etapa será válida pelo circuito ASP World Tour, a elite do surfe mundial. A etapa, que começa dia 21 de abril, vai dar 400 mil dólares, quase 700 mil reales.

Como neste ano será implantado o ranking unificado dos dois circuitos, é mais do que certeza que os melhores do mundo estarão no sul do estado. ?O WQS era meio bagunçado, agora vai ser um evento mais valorizado. Vai ter mais atletas correndo e aumentar a premiação?, finaliza Tomas.

  •  

Deixe uma Resposta