• Postado por Tiago

Se a união faz a força, agora o perrengue do Porto de Itajaí vai chegar ao fim. O que não falta é reunião, conversê, blablablá pra acertar o passo nesta marcha que não sai do mesmo lugar. A senadora Ideli Salvatti (PT-SC) tá à frente do batalhão, falando com meio mundo à cata de uma solução pras obras empacadas do porto peixeiro, detonado pela enchente de 2008.

É Ideli quem transmite a boa notícia dada pelo general José Cláudio Fróes de Moraes, que disse que o Exército tá disposto a executar a obra. Se a Secretaria Especial de Portos determinar, em uma semana o projeto de estudo da obra com previsão de custos e tempo estimado ficam prontos. “Fizemos uma consulta ao Exército e tivemos a garantia de que eles podem executar a obra. Já pedimos para o ministro Pedro Brito, da Secretaria Especial de Portos, solicitar os trabalhos e agora temos que avaliar o tempo que essa obra vai levar”, disse Ideli.

Em reunião que aconteceu no Ministério da Integração, o próprio ministro Geddel Vieira informou que não há como conceder uma prorrogação no pedido de emergência, uma vez que foi solicitado pelo senador Raimundo Colombo (DEM-SC) uma auditoria no Ministério e na Defesa Civil sobre a aplicação dos recursos destinados a conter os estragos da enxurrada do final do ano passado. “O ministro foi claro, não há como aumentar o prazo de estado de emergência com essa desconfiança pairando sobre os trabalhos do Ministério e da Defesa Civil”, explicou a senadora Ideli. O ministro também sinalizou a possibilidade de voltar atrás na decisão se a reunião entre o ministro Pedro Brito e TCU encontrar uma solução para o problema. “O ministro quer um respaldo do TCU para que nã o seja responsabilizado por alguma ação que possa ferir a legislação”, disse a senadora.

  •  

Uma Resposta to “Exército diz que tá pronto pra batalhar na recuperação no Porto de Itajaí”

  1. natureza Diz:

    Agora que acharam um senador para pagar co-lombo por toda a negligência da União, será que essa novelinha mexicana se resolve…?

Deixe uma Resposta