• 08 jun 2009
  • Postado por Tiago

“Pena que os velhos anarquistas mais libertários não viveram para ver um instrumento tão livre, poderoso e igualitário como a internet, que justamente por isso é tão temida pelas tiranias de esquerda ou de direita”, jornalista Nelson Motta, no jornal O Globo [05/06/2009]

VIA PORTUÁRIA I

Jandir Bellini (PP) não gosta nenhum pouco do PT e tem razões óbvias para isto. Por outro lado, o prefeito de Itajaí tem motivos de sobra para votar na candidata do presidente Lula – logo, do PT – à presidência em 2010. Além de bancar a reconstrução do porto, destruído na enchente de novembro, o governo federal petista também vai assumir, através do DNIT, a construção da Via Expressa Portuária, obra de extrema importância para a cidade.

VIA PORTUÁRIA II

Principal fiasco de Volnei Morastoni (PT), a Via Portuária tinha tudo para ser uma alma penada assombrando também o governo Bellini III. Mas o prefeito de Itajaí foi esperto e conseguiu se livrar do abacaxi. “Estamos muito contentes com esta decisão e com o apoio do governo federal no encaminhamento da obra”, rasga-se em agradecimento o prefeito. Além de Barack Obama, com certeza Jandir Bellini também acha que o presidente Lula é “o cara”.

DENÚNCIA I

Denúncia publicada no blog de Robson Dias, apresentador do programa “Em Defesa da Gente” (TV Brasil Esperança), dá conta de atividades com cunho político e partidário em um centro de educação infantil de Itajaí. Um trabalho escolar, segundo o pai de uma criança, consistia na confecção do número 11 através de técnicas de recorte e colagem. Depois, os cartazes com o número 11 foram expostos na sala de aula. Só para lembrar: 11 é o número do PP, o partido do prefeito.

DENÚNCIA II

Robson Dias conta que, ao buscar esclarecimentos sobre o fato, foi tratado de forma grosseira. “Para o meu espanto, a coordenadora de nome Vanessa demonstrava estar irritada com a situação, dizendo que deveríamos nos preocupar com coisas mais importantes”. A coordenadora teria alegado que atividades deste tipo são feitas com diversos números, mas o pai denunciante afirma que só fizeram com o 11. Mais detalhes no blog http://robsondias.wordpress.com

TRANSPORTE COLETIVO

No próximo sábado, o ex-prefeito Volnei Morastoni deverá participar do programa ‘Balanço Semanal’, da Rádio Clube Bandeirantes de Itajaí. Volnei vai dar sua versão sobre os fatos envolvendo a licitação vencida pela Coletivo Itajaí, em 2006, para operar o transporte coletivo urbano na cidade peixeira. A licitação foi contestada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), que acusa favorecimento à empresa e pede o imediato cancelamento do contrato.

AMARELOU

Laudelino Lamim (PMDB) causou risos na terça-feira ao elogiar secretários do governo Bellini III, entre eles Rosane Casas (Desenvolvimento Social), alvo de severas críticas do vereador quando do escândalo das roupas enterradas. Gerd Klotz, colunista do semanário Correio Popular de Itajaí, não perdoou ao comentar o episódio: “Mais parecendo um ‘Pitbull’ feroz latindo e rosnando nos calcanhares do governo, transformou-se em um inofensivo ‘poodle toy’ […] Amarelou de vez”.

GRANA FEDERAL

Está prevista para amanhã, em Brasília, solenidade que vai oficializar o repasse de R$ 515 milhões do governo Lula para Santa Catarina. Este dinheiro, liberado pelo Ministério das Cidades e pelo Ministério da Integração Nacional, será aplicado em obras de prevenção às enchentes, principalmente sistemas de drenagem. Entre as cidades contempladas estão Itajaí, Navegantes e Balneário Camboriú. Só para Itajaí deverão vir R$ 50 milhões.

INSEGURANÇA I

Foi agendada para o dia 29 mais uma audiência para discutir o problema de insegurança pública em Navegantes. A reunião contará com a participação dos deputados que compõem a Comissão de Segurança Pública da Assembléia Legislativa e também do secretário de Estado de Segurança Pública, Ronaldo Benedet (PMDB). Aumento do efetivo policial, melhor aparelhamento da polícia e câmeras de segurança são algumas das reivindicações dos navegantinos.

INSEGURANÇA II

“Estamos cansados de promessas. Queremos ações e vamos pressionar o Estado. Nossa intenção é levar duas mil pessoas a essa audiência e mostrar para as autoridades que a sociedade civil organizada de Navegantes está perplexa com a falta de segurança. Caso a nossa ação não surta efeito, estamos dispostos a realizar um movimento nas ruas da cidade”, desabafa o presidente da Associação Empresarial de Navegantes (Acin), José Gonzaga dos Santos.

PONTE X TÚNEL

Segundo o deputado estadual Deba Cabral (PMDB) será mesmo uma ponte que ligará os centros de Itajaí e Navegantes e não um túnel, como prefere Jandir Bellini. Deba explica que a grana prevista no orçamento da União para a obra é oriunda do Ministério do Turismo, portanto é obrigatório que seja uma obra turística, como a ponte estaiada que está sendo projetada por técnicos da Amfri. Um túnel em hipótese alguma pode ser considerado turístico.

LAMENTÁVEL I

Navegantes pode ficar sem agência do INSS. A prefeitura ainda não fez a doação do terreno para o Ministério da Previdência Social e o prazo se encerrou em maio. Mesmo assim, a gerência executiva do INSS de Blumenau, responsável pela execução do plano de expansão da Previdência Social na região do Vale do Itajaí, está segurando as pontas para que Navegantes não fique de fora. Mas se a prefeitura não se agilizar, Navegantes será substituída por outra cidade.

LAMENTÁVEL II

Às prefeituras cabe doar o terreno. O resto é com o governo federal. Taió, que inicialmente ficou fora do plano que vai construir mais de 700 agências do INSS em todo o país, já tem terreno disponível e poderá entrar no lugar de Navegantes caso a prefeitura não se mexa. A instalação de uma agência do INSS é uma antiga reivindicação de Navegantes. Seria mais um passo para a cidade não depender tanto de Itajaí. E quando chega a oportunidade, como agora, se desperdiça.

NÃO DEU

O vereador Evandro Argenton (PSDB) apresentou uma indicação na qual sugeria ao prefeito de Navegantes, Roberto Carlos de Souza (PSDB), que iniciasse tratativas com a prefeitura de Itajaí a fim de que fosse criado, na superintendência do porto de Itajaí, um cargo de diretor a ser nomeado pelo município de Navegantes. A proposta foi bombardeada pelos demais vereadores, inclusive por aliados de Argenton. Diante da repercussão negativa, o tucano retirou a indicação.

CADÊ A DRAGAGEM?

Mais uma semana se passou sem novidades sobre a dragagem – pelo menos até sexta-feira. Quando o serviço estava sob responsabilidade da Secretaria Especial de Portos qualquer paralisação provocava gritos histéricos e protestos. Desde que passou para responsabilidade do porto de Itajaí, há quase um mês, não se dragou um metro cúbico sequer, porém não se ouve um pio. De uma hora para outra a “sobrevivência” de Itajaí deixou de depender da dragagem?

CAMPANHA

De olho nas eleições de 2010, o PSDB de Santa Catarina inicia neste mês a divulgação do que chama de “o que foi conquistado pelos brasileiros nestes 21 anos de existência do Partido da Social Democracia Brasileira”. O principal objetivo é ressaltar que o programa Bolsa Família foi instituído no governo FHC. Obviamente, neste trabalho de divulgação os tucanos não vão chamar o Bolsa Família de “Bolsa Esmola” ou de “programa eleitoreiro”, como costumam chamar.

  •  

Deixe uma Resposta