• Postado por Tiago

A Fundação Franklin Cascaes baixou algumas normas sanitárias pra não cancelar o 16º Festival Isnard Azevedo, que vai até o dia 23. O festival acontece em seis teatros da capital, onde estão se apresentando 32 grupos de sete estados. Nos locais de apresentação, a coordenação do evento fixou cartazes, distribuiu panfletos e colocou álcool-gel pra desinfetar as mãos.

Nos teatros, os organizadores estão arejando o ambiente pelo maior tempo possível, antes das apresentações, já que durante é impossível, pois interfere na iluminação dos espetáculos. Nas lonas de rua, que têm mais circulação de ar, as abas laterais foram suspensas pra facilitar a ventilação. A única apresentação alterada foi a do Hospital Infantil Joana de Gusmão por causa da baixa imunidade das crianças internadas. A peça foi transferida para uma escola pública.

  •  

Deixe uma Resposta