• Postado por Tiago

CONTRACAPA---s---figueirense-x-campinense---fernandes-foto-rubens-flores-06nov09-(222)

Fernandes fez dois e foi o principal destaque da vitória alvinegra

O Figueirense venceu o Campinense por 3 a 1, ontem à noite, no estádio Orlando Scarpelli, em Floripa. O resultado coloca o time de volta ao G4, pelo menos até as 16h deste sábado, quando o Atlético/GO encara o Guarani. Se os goianos vencerem, o Alvinegro perde uma posição, mas segue vivo na luta pra retornar à primeira divisão. Outros resultados deixam o time manezinho entre os quatro que sobem pra elite do futebol nacional

Numa noite inspirada, Fernandes anotou os dois primeiros gols contra o Campinense. O artilheiro da Segundona, Rafael Coelho, anotou o terceiro. Marcelinho Henrique descontou pros nordestinos.

O Figueira entrou em campo com vontade de não deixar o adversário pegar gosto pela partida. Logo aos quatro minutos, Fernandes aproveitou rebote e, da meia-lua da grande área, mandou um chute certeiro pras redes e abriu o placar.

A partir do gol, o time de Floripa jogou com o nervosismo do Campinense, que ficou flagrante aos 22 minutos. Fábio Júnior recebeu cartão vermelho após soltar a língua no juiz e deixou os visitantes com um a menos.

À vontade, o Figueira criou ótimas chances. Aos 31, Rafael Coelho recebeu passe de Fernandes, mas chutou na mão do goleiro. Na sequência, Roberto Brum mandou do meio de campo, a bola encobriu o goleiro que tava adiantado, mas acertou o travessão.

Maestro Fernandes

Na volta pro segundo tempo, Anderson Luis saiu pra entrada de Schwenck. A mexida deu mais velocidade ao Figueira e, novamente aos quatro minutos, Fernandes fez mais um. Agora ele tem 93 gols no clube, o mesmo número do também ídolo Albeneir. Faltam dois pra ele superar Calico e se tornar o maior goleador da história do Figueira.

O terceiro do time manezinho saiu aos 10 minutos, após outra jogada do maestro Fernandes. O Príncipe do Scarpelli deu lindo toque por cobertura pra Rafael Coelho, que bateu cruzado e também deixou sua marca.

O Figueira poderia ter aproveitado pra aplicar uma sacolada, mas afrouxou e acabou levando um. Aos 32, Marcelinho Henrique descontou e deixou menos feia a campanha do time que luta contra o rebaixamento.

Na terça-feira, às 21h50, o Figueira joga contra o América, no estádio Machadão, em Natal.

  •  

Deixe uma Resposta