• Postado por Tiago

O Ministério da Saúde autorizou a construção de duas novas unidades de pronto-atendimento (UPAs) na Santa & Bela. Quando ficarem prontas, o que é previsto pro fim do ano, a população de Floripa e Palhoça contará com serviços de emergência e urgência capazes de atender as necessidades de uma região com até 600 mil pessoas.

Com investimento de R$ 4 milhões para construção, as unidades vão receber R$ 350 mil por mês do Ministério da Saúde  para o custeio dos serviços. A previsão é que o governo federal autorize recursos para a construção de mais unidades no estado ainda este ano. Em todo o Brasil, serão 250 novas UPAs em 2009.

As UPAs estão capacitadas pra dar conta dos atendimento de emergência e urgência. Os pacientes que chegam às unidades são avaliados pelos médicos que estabilizam o seu quadro, definem o diagnóstico e analisam a necessidade de encaminhá-lo a um hospital.

A estratégia de atendimento está diretamente relacionada ao trabalho do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU/192), que organiza o fluxo do atendimento e encaminha o paciente ao serviço de saúde adequado à situação.

As UPAs são divididas em tipos conforme a capacidade de atendimento. A de Floripa é do tipo 3, com estrutura de até 20 leitos e capacidade para atender até 450 pacientes por dia. A de Palhoça é do tipo 1 e oferece assistência a até 150 pessoas diariamente.

Com os dois serviços autorizados nesta semana, já são 102 habilitados pelo Ministério da Saúde em todo o Brasil até o momento.

  •  

Deixe uma Resposta