• Postado por Tiago

Uma traquinagem quase custou a vida de um dimenor em Tijucas. Dois moleques resolveram dar uma banda de motoca na madrugada de ontem e simeteram num acidente de trânsito. Com o porradaço, o carona da cabrita foi jogado longe e ficou malzão.

Passava das 5h quando J.G.C., 15 anos, subiu na motoca, placa MEX 7323 (Itajaí), pra dar uma volta pela cidade. O colega do motoqueiro, que também é menor de idade, embarcou na garupa e simandou com o piloto-mirim. Na avenida Bayer Filho, na região central de Tijucas, o dimenor fez uma baita cagada e foi parar no chão.

O motoqueiro cortou a frente de um carango não identificado, ao tentar entrar no posto de gasolina. Graças à barbeiragem, o carro bateu de frente com a moto que foi jogada pra dentro do posto de gasosa. Com o impacto da batida, o menor que tava na garupa da moto quebrou a perna e bateu a cabeça. A vítima foi socorrida e levada pro hospital São José. O guri recebeu atendimento médico e permanece internado sem risco de morte.

Enquanto os atendimentos rolavam, o outro veículo envolvido na batida simandou sem deixar rastro. A polícia militar esteve no local e descobriu que o piloto da motoca é um dimenor. J. foi levado pra delegacia, de onde só saiu depois que seus pais se comprometeram a responder a bronca pelo filho que não tem carteira de habilitação. A cabrita foi apreendida. O dono da cabrita pode peder a habilitação por liberar a motoca para um menor.

  •  

Deixe uma Resposta