• Postado por Tiago

INTERNA-ABRE-PAG-23---s---Escola-Antônia-Gasino-e-Ginásio-Valdir-Nazário-(4)

Molecada da escola terá que jogar sua bolinha em outro lugar

O ginásio de esportes Valdir Nazário, no bairro São Cristóvão, em Barra Velha, foi interditado ontem. A determinação foi dada pelo prefeito Samir Mattar, após vistoria feita pela empresa USS Construções Ltda., responsável pela construção do ginásio, no final do ano passado. O prédio tá com o telhado parcialmente descoberto desde o vendaval de setembro. O mais grave foi o rompimento de um tirante ? cabo de aço usado pra firmar a estrutura pré-moldada ?, o que, no caso de novos ventos fortes, poderia resultar até na queda de todo o telhado.

Pros engenheiros da empresa e pra Marcelo Metelski, engenheiro da prefeitura, o tirante deve ser soldado o mais depressa possível, porque as paredes foram abaladas com a pressão do vento. Um desmoronamento de terra também causou danos à estrutura. Como a empreiteira responsável pela obra não deu garantias em relação a eventos climáticos, a prefa terá de arcar com todo o custo da reforma.

O ginásio vai ficar fechado até que a reforma aconteça, mas ainda não há prazo pra rolar. ?O ginásio deve ficar sem nenhuma atividade até que se faça a recuperação do tirante, pois corre o risco de estourar outro, devido à pressão que está recebendo, e haver um colapso da estrutura, caindo todas as paredes?, explicou o Marcelo.

Reforma também em Navega

Depois de muita burocracia, teve início a reforma do ginásio Domingos Angelino Régis, em Navega. Prevista pra terminar em janeiro de 2010, a obra será realizada através de um convênio de pouco mais de 200 mil reales entre a secretaria Estadual de Turismo, Cultura e Esporte e prefeitura dengo-dengo, que vai entrar com a contrapartida de 40 mil reales.

O diretor de Esportes de Navegantes, Eduardo Mafra, diz que a nova cobertura será de telhas translúcidas, pra aproveitar a luz do dia. Também passarão por reformas o piso, janelas e portas, vestiários e a fachada. Em fevereiro do ano que vem, um mês após o término da reforma, as escolinhas, que hoje tão treinando em escolas, devem retornar ao ginásio, construído em 1985, mas que mais parecia do século passado.

  •  

Deixe uma Resposta