• Postado por Tiago

A cada dia que se passa, o torcedor marcilista só recebe notícia ruim. Além de mais um rebaixamento em 2009 e da continuação da fraca diretoria, a mais nova merda que tá pra pintar é a saída de um dos jogadores que estava se salvando no Marcílio Dias este ano: o goleiro Márcio Kessler.

No treino de ontem, o goleirão ídolo rubro-anil não participou das atividades e ainda deixou a sensação, pra quem foi ao Gigantão das Avenidas, de que estava recolhendo as coisas no vestiário pra simandar antes mesmo do jogo de domingo contra o Caxias, pela última rodada da série C do Brasileiro.

De cabeça baixa

Antes do treino de ontem, o técnico Ronaldo Alfredo conversou com os jogadores que sobraram – sete já foram embora – durante uma meia hora. O assunto só Deus sabe, porque o time não tem mais nada pra fazer no campeonato, além de tentar juntar 11 jogadores pra viajar até Caxias do Sul e fazer a partida de despedida.

A única coisa boa que pode pintar pros atletas é uma possível “mala-branca” vinda do time do Marília, que precisa da ajudinha do Marinheiro pra se classificar. “Só fiquei sabendo disso pela tevê, mas se for uma coisa boa, pra vencer o jogo, eu não vejo problema em receber”, diz o comandante.

No campo, o técnico realizou um treino de posse de bola e ainda confirmou um coletivo pra amanhã contra os juniores do clube. “Os jogadores estão de cabeça baixa, tristes com a situação, ainda mais sabendo que o jogo não vale nada. Mas vamos tentar fazer um bom jogo, até porque tem times que ainda tão no campeonato e dependem do nosso resultado”, deixou no ar Ronaldo.

  •  

Deixe uma Resposta