• Postado por Tiago

INTERNA_13_carro-gringo-estacionado-em-local-errado-_leitora

Como se fosse o dono da estrada, o argentino deixou seu furgão

A folga de um gringo deixou cabreiraça uma moradora de Balneário Camboriú. Na manhã de terça-feira, a vendedora autônoma, P.L.B., 22 anos, flagrou o argentino espaçoso estacionar o seu furgão em local proibido, em plena avenida do Estado, pertinho do hospital Santa Inês. O que deixou a leitora ainda mais indignada, é que um guardinha de trânsito teria autorizado a paradinha estratégica e até fez vistas grossas pro tempão em que o gringo ficou estacionado em local proibido.

P. conta que passava na avenida diapé quando flagrou o abuso. O gringo desconhecido parou o furgão, placa ROX 232 (Argentina), em frente ao hospital de Olhos. Saltou do veículo e disse, na caruda, pra um agente de trânsito que estava passando mal e precisava ir ao hospital, mas não havia encontrado vaga pra estacionar. ?O guardinha disse que se era uma emergência, então ele podia deixar ali?, relata.

O veículo ficou parado lá por mais de uma hora até que o hermano voltou do hospital e simandou. Na opinião da leitora, embora fosse um caso de doença, é uma baita sacanagem o gringo ter parado o furgão em local proibido. ?Pode passar um motoqueiro e não vê que ele está parado e bater atrás. Até fila formou porque ali não é lugar de se estacionar?, reclama.

Jaime Mantelli, gestor do fundo municipal de trânsito (Fumtran), admite que o gringo agiu mal ao parar o carango em local não sinalizado. ?O correto seria deixar o carro estacionado dentro do pátio do hospital, mesmo que não existindo vaga lá?, explica.

Quanto à permissão do guardinha, o chefão do Fumtran diz que ela foi incorreta, mesmo que fosse com as melhores intenções. ?Muitos fazem com boas intenções e prejudicam o coletivo. A ação poderia ter motivado um acidente no local?, ressalta. Mantelli pretende bater um papo com os guardinhas de trânsito pra evitar que a ação se repita.

  •  

Deixe uma Resposta