• Postado por Tiago

Ao-regular-tempestade4---foto-por-Pedro-Bennaton2

Estudantes apresentam espetáculo sobre isolamento depois de voltarem contaminados da Argentina

Em junho, um grupo de estudantes de teatro da Udesc fez uma viagem pra Buenos Aires e alguns deles voltaram com a gripe porca, mas todos tiveram que ficar de quarentena. A vivência e o isolamento que sofreram neste período serviu de laboratório pro espetáculo ?Ao regular a tempestade?, que estreia hoje, às 17h, no Instituto Arco-Íris, na esquina da travessa Ratcliff com a rua João Pinto, ao lado do antigo terminal de busão de Floripa.

O roteiro investe na incredulidade e violência do isolamento, e as cenas rolam simultaneamente no espaço interno do instituto e na rua, atingindo o público em cheio. O espetáculo tem uma ótica surrealista e foi inspirado nas obras ?A Mancha Roxa?, de Plínio Marcos, ?The Cremaster Cycle 3?, de Matthew Barney, e ?O Homem Pós ?Orgânico?, de Paula Sibília.

No elenco estão os atores Amanda Gartner, Daniela Sousa, Fernando Gonçalves, Gabriela Giannetti, Karine Cupertino, Ivan Vukelic, Luiz Bianchini, Naiara Bertoli, Nathalie Soler, Paula Cruz, Taíse Muniz e Thaís Carli. A temporada prossegue no dia 13, às 18h30 e 20h30, no dia 18, às 17h, no dia 20 às 18h30 e 20h30, e no dia 21, às 20h30, sempre no mesmo bat-local. E tudo na faixa.

  •  

Deixe uma Resposta