• Postado por Tiago

INTERNA_13_abre-esquerda_camera-multa-codetran_leitor

Pro leitor que fez o flagra, a Codetran tá fazendo armadilha pros motoras

O leitor J.A.K. flagrou na tarde de quarta-feira um guardinha da coordenadoria de trânsito (Codetran) de Itajaí siscondendo atrás de uma placa, na rodovia Osvaldo Reis. O agente de trânsito tava com o radar móvel a postos e, para J., tava na tocaia pra multar os motoras desavisados. O leitor acha uma sacanagem essa história dos guardinhas ficarem siscondendo.

Apesar de existir uma placa na Osvaldo Reis alertando que só pode acelerar o carango até 50 quilômetros por hora, nem sempre o limite de velocidade é respeitado. Quem ultrapassa o permitido volta pra casa com um multinha no bolso, que pode variar de 85 até 513 reales.

J. acredita que a Codetran teja usando como estratégia colocar os guardinhas escondidos em alguns pontos da cidade para aumentar o número de multas aplicadas.

Garante que não é armadilha

José Alvercino Ferreira, chefão da Codetran, nega a denúncia do leitor. ?Não tem motivo pra isso?, disse. Ele argumenta que o guardinha não tem como se esconder dos motoristas, porque vai acabar sendo visto assim que o carango passar pela câmera que faz o registro da velô.

O chefão da Codetran afirmou que tá mandando fazer cavaletes a 200 ou 100 metros antes de onde o aparelhinho estiver sendo usado. A intenção, diz ele, é demonstrar que os radares móveis não são armadilhas e que em Itajaí não tem indústria de multas.

Dia de semana, os radares tão por Itajaí das 7h às 11h30. Depois, a partir das 13h até 18h30. Aos sábados, eles também funcionam: das 7h até meio dia ou 13h, no máximo. Os radares móveis começaram a ser usados no dia 1º de julho.

  •  

Deixe uma Resposta