• Postado por Tiago

A malocada de Balneário Camboriú faz de um tudo pra siscapar dos puliças. Pelas 19h30 de terça-feira, uma aborrescente teve a caruda de engolir 12 pedras de crack pra não ser grampeada em flagrante. A estratégia não deu certo e ela foi pega com 19 pedras de crack e maconha. Pra piorar a situação, a guria começou a passar mal com a nojerada que engoliu.

A menor tava na avenida Palestina, no bairro das Nações, conversando com M.H.F., 18, quando os meganhas passaram e acharam aquela situação esquisita. Os dois foram abordados e com o dimaior nada foi encontrado. Quando chegou a vez da jovem ser revistada, ela ainda tentou disfarçar. Jogou um pacotinho fora e os tiras foram pegar o bagulho, enquanto isso a guria saiu correndo quiném o diabo foge da cruz.

Os meganhas se viraram em pernas e a guentaram dentro de uma panificadora. Revira daqui, remexe dali e 19 pedras do demo foram encontradas perto da rapariga. Foi apreendida ainda mais uma pedrona esmagada e um torrão com três gramas de maconha.

A dimenor foi levada pra delegacia da Muié e do Adolescente do Balneário e, quando tava sendo apresentada aos homisdalei, ela começou a ficar enjoada e doidona. Os puliças perguntaram o que ela tinha aprontado e a guria contou que tinha engolido 12 pedras do capeta, pra tentar siscapulir da jaula.

Antes que tivesse um piripaque, a adolescente foi levada pro hospital Santa Inês, onde passou por uma lavagem no estômago. Quando tava quase boa, ela ainda tentou dar o pinote nos tiras e simandar do hospital. Por sorte, os fardados tavam espertos e a pegaram no pulo.

Depois da medicação, a menor foi levada divolta na DP. Ela assinou um termo circunstanciado por tráfico de drogas e foi entregue aos pais, já que não há vaga no centro de internamento provisório (CIP) da região.

  •  

Deixe uma Resposta