• Postado por Tiago

Coitado tava dentro de caranga esperando por um amigo que tinha escapado da morte

Um menino de 14 anos foi morto no pátio do hospital de Navegantes, em plena luz do dia. Matheus Alves da Silva Araújo tava sentado ao lado do amigo Ricardo Luis Lopes, 18, quando um desalmado disparou um único tiro que varou seu peito. Os médicos tentaram reanimá-lo, mas o guri não guentou o tranco. Os dois esperavam a alta do colega que na noite anterior tinha levado um tiro na perna. A arma do crime foi encontrada pela PM numa caçamba de lixo próximo ao hospital. A puliça ainda não sabe quem é o assassino, mas a treta tem a ver com uma tentativa de assassinato do dia anterior.

Por volta das 13h, Matheus, conhecido como Pernambucano e Ricardo, o Pentelho, esperavam Gerson Luís de Matos Machados, 32 anos, sair do hospital, onde tava internado. A dupla tava no Gol, placa AAU 1630 (Itajaí), quando rolou a crueldade. O assassino meteu o cano da arma dentro da caranga e mandou ver contra Matheus, que tava sentado no banco de trás, no lado direito.

Depois do crime, o bandido fugiu pedalando uma ziquinha. Durante a fuga, o mequetrefe deixou a arma cair na rua Natividade Costa. Em seguida, jogou o trabuco numa caçamba de lixo. As testemunhas avisaram os meganhas, que encontraram o revólver calibre 38 usado no crime.

Ao ver Matheus morto, o amigo Ricardo Lopes melou a cueca e tomou rumo ignorado. Matheus chegou a ser atendido pela equipe médica, mas não deu pra salvá-lo. Depois do assassinato, várias pessoas se aglomeraram no pátio do hospital. O pai de Matheus, Marco Alves Araújo, 39 anos, saiu da Leardini, onde trabalha como empacotador, pra ver o que tava rolando. Ao chegar no hospital encontrou o filho morto. ?Por falta de aviso não foi?, disse.

Marco contou que não sabia com quem o filho andava, mas há algum tempo recebeu uma prensa do tio do menino, que viu Matheus andando com uma chinelagem. O garoto estudava no núcleo avançado de ensino supletivo (Naes) e não era muito de papo.

  •  

2 Respostas to “Gurizão é assassinado na porta de hospital”

  1. venicius Diz:

    u lek era meu brodi mano 🙁

  2. belquiz Diz:

    todos do meu colegio elsir bernadete lembra dele
    as meninas estao chorando muitao

Deixe uma Resposta