• Postado por Tiago

morto

Volmir levou um tiro no pescoço dentro de bareco

Um tiozinho levou um balaço à queima-roupa dentro do bar e mercearia Nezo, na Vila das Pedras, na estrada geral dos Macacos, em Camboriú, ontem à tarde. A principal informação que a polícia conseguiu levantar é que a briga rolou por briga por um rabo de saia.

Os tiras já identificaram o suposto atirador e trampam pra metê-lo atrás das grades. Pelas 14h30 de ontem, Volnir José da Silva, 36 anos, tava tomando uns gorós e batendo um papo com uns amigos quando o desafeto entrou no bar. O acusado E.S., caminhou até o banheiro e voltou com um trabuco na mão. Deu os tiros a queima roupa e fugiu.

Os tirombaço entrou pelo pescoço e saiu pela nuca de Volnir que caiu no chão sangrando muito. O homem agonizou e morreu segundos depois. Os bombeiros de Camboriú ainda foram chamados, mas quando chegaram já era tarde demais e a vítima tava morta. O corpo foi encaminhado pra perícia do Instituto Médico Legal (IML) de Balneário Camború.

O povão conta que o crime foi motivado por uma broca de mulher. Volnir e o desafeto teriam discutido no sábado por um rabo de saia, que ninguém soube apontar pros policiais quem é. Depois do arranca-rabo, o inimigo teria jurado o tiozinho de morte. No dia seguinte, comprou uma arma e cumpriu a promessa.

Pouco depois do crime, a polícia militar foi chamada. Os meganhas realizaram rondas pela região, mas não encontraram nenhum sujeito com a descrição do foragido.

O caso tá sendo investigado pela polícia civil da cidade da pedra. Ontem os homisdalei já tinham batido um papo com o irmão da vítima que contou pra polícia.

Testemunhas que estavam no bar também foram ouvidas e meteram a bronca nas costas de um agricultor da região. Os puliças devem pedir ainda hoje a prisão preventiva do suspeito, que não teve o nome revelado pra não melar as investigações.

Volnir tava pedido pela justa por não ter pago a pensão alimentícia dos filhotes. Ele estava desempregado e vivia na região da Vila das Pedras com a mãe e o irmão.

  •  

Deixe uma Resposta