• Postado por Tiago

O dono de uma casa do bairro Monte Alegre, em Camboriú, foi baleado na noite de segunda-feira, durante um assalto. Três vagabundos invadiram a baia e meteram um balaço na cara da vítima, que não teria reagido à ação. Os bandidos simandaram com equipamentos eletrônicos e não foram presos. A polícia civil assumiu a bronca e tá investigando o crime.

A desgraça aconteceu pelas 20h. Maikon de Oliveira Pereira, 25 anos, e sua mulé, C.J.R., contam que foram pegos de surpresa pelo trio de vagabundos. O casal tava dentro de casa na rua Monte Branco, quando um dos malencarados pulou a janela. Na mesma hora, outros dois arrombaram a porta da frente e entraram.

Segundo as vítimas, o puto que entrou pela janela ficou assustado com a presença do casal e mandou um tiro certeiro, que ficou cravado do lado esquerdo do rosto de Maikon. O moço disse à polícia que não reagiu ao assalto.

Enquanto a vítima estava caída no chão se esvaindo em sangue, os bandidos fizeram a limpa no que puderam pegar da casa. Numa ação rápida, roubaram dois aparelhos de dvd e a bolsa de C. recheada de documentos e cartões de banco. Fugiram pela porta da frente. Ninguém soube informar se o trio tava acompanhado de algum comparsa ou se fugiu a bordo de algum carango.

No hospital

Só depois que os safados foram embora, as vítimas conseguiram pedir ajuda. Os bombeiros fizeram os primeiros socorros em Maikon e o levaram pra tratamento no Pronto Socorro do hospital Santa Inês de Balneário Camboriú. O coitado foi medicado e permanece internado. Ele não corre risco de morte. A polícia civil investiga o crime.

  •  

Deixe uma Resposta