• Postado por Tiago

Os juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SC) arquivaram na sessão de ontem um inquérito policial contra o prefeito de Florianópolis, Dário Berger, e os vereadores Deglaber Goulart e Gean Marques Loureiro, todos do PMDB. Devido à requisição do Ministério Público Eleitoral (MPE), a polícia Federal (PF) instaurou inquérito com o intuito de apurar suposta prática de compra de votos durante a campanha eleitoral de 2008. Depois de investigar um montão, a PF não encontrou nadica que incriminasse Dário e os vereadores.

A acusação se baseou em distribuição de materiais de construção da secretaria de Obras a eleitores, em troca de votos. Apesar de o MPE ter requerido em primeira instância o prosseguimento das investigações, o desembargador Sérgio Torres Paladino, relator do processo, votou pelo arquivamento do inquérito porque o relatório da polícia concluiu que não há elementos que comprovem a sacanagem denunciada.

  •  

Deixe uma Resposta