• 15 jun 2009
  • Postado por Tiago

Festa do Colono

Os linguarudos de plantão alardeiam que a loiruda da Susi Bellini (PP) estaria metendo o dedão na Festa do Colono e que, ta esta de raízes, que de raízes (com redundância e tudo mais) não tem nada faz tempo, perderia a sua essência. Já o pessoal do governo faz aquele chororô medonho da falta de grana.

Show furrecas

Os puxas cochicham que a administração da belinilândia tá fazendo das tripas coração pra trazer uns shows furrecas e que entre gente, cabritos e os eternos chifrudos daqui e de fora (bois, vacas e outros ruminantes que fique bem claro), o povaréu que se carcar pra região da Baía em Itajaí, pode sisquecer da crise, do porto detonado e do rolo das empreiteiras que maculam o governo e tentar ser feliz.

Ajuda lá

A rainha e as princesas já foram escolhidas. A moçoila que vai representar a festança é a Jaqueline Resdechi, do Campeche, e as princesas que são lindas adoidado, são do Espinheirinho e do Salseiros. Não se sabe ainda o que vai acontecer, mas os sabichões da área cultura e rural buscam apoio da empresa de pescados GDC pra que banque um show de peso no evento.

Não alcança o pedal…

O entisicado Denisio Dolásio Baixo, da TV Brasil Esperança, foi infeliz quando esticou o língua na telinha da TV dizendo que tem mais é que detonar os prédios históricos de Itajaí. O baixinho ao saber da história da Famai, que vai ter que se mandar do imóvel que ocupa porque tem uma ordem de demolição, lascou que era coisa velha e que ele mesmo dirigia o trator pra botar na chón. Como se não consegue alcançar o pedal da máquina?

Cara de paisagem

Outro dia botaram abaixo a casa do saudoso ex-prefeito Lito Seara, no Dom Bosco. De uma hora pra outra a edificação foi detonada e ninguém disse um ‘ai’. O patrimônio histórico do município tem ficado descoberto e os imóveis que podem ser preservados são detonados. Todos se esquecem que a cidade está completando 149 anos e tem que preservar um pouco da sua história.

Bago em cima

Outro dia o vereador bigodudo Laudelino Lamim (PMDB) entregou pros abençoados conselheiros do Meio Ambiente de Itajaí, trocentos projetos pra que os experts botassem o bago em cima e pudessem dar uma analisada no que pode e não phode fazer.

Criar critérios

Agora, depois de discute daqui, fala dali, murmura acolá, ficou decidido que irão criar critérios pra que os projetos de suas excelências excelentíssimas sejam analisados e possam ter um palpite dos conselheiros. Teve sabichão que ficou de cara, achando que não era trabalho deles estudar e dizer para o parlamentar o que pode e não phode fazer.

Recicla e não recicla

A tecla já tá gasta e o assunto batido, mas não custa lembrar nessa história do lixo reciclado em Itajaí. Pois milhares de itajaienses conscientes separam a nojeirada orgânica do que pode ser reciclado. O problema é que aterro sanitário da Canhanduba recebe, nada mais nada menos, 48% do que é depositado ali é da Maravilha do Atlântico, onde não tem coleta seletiva. Bem que o homem pássaro, Edson Periquito (PMDB), poderia ‘pensar’ e implantar a coleta. Né, não?

Papagaio come milho…

…e Periquito leva a fama? Os apoiadores do ex-prefeito barbudinho Volnei Morastoni (PT) andam espinafrando que as verbas do Programa de Aceleração do Crescimento, o bendito PAC, foram conseguidas durante o governo do vermelhinho e que só agora estão sendo espirradas. E que o ex-homem dos galináceos, prefeito Jandir Bellini (PP), estaria levando a fama. E, agora?

Sem titulares

O governo do prefeito Bob Carlos (PSDB), do outro lado da vala, em Navegantes, já teve a debandada de quatro titulares. O Vinícius Bortolatto (PSDB), do desenvolvimento social; na fundação de esportes, o Gerson Fagundes (PP) ficou do lado de cá da valão. A Geovana Scaburi, que tava na educação, e por fim o secretário de articulação política, Stalin Fernandes (PP).

Não muda

Os postos ficaram sem titulares. Menos a Educação que tá acumulada pelo alcaide (numa afronta à lei) e que deve ter como titular a professora Nerosilda Pinheiro, que é braço direito do alcaide bicudo há trocentos anos. Os outros cargos, ninguém sabe e ninguém viu…

Mais desemprego

Aliás, a prefa dengo-dengo pode aumentar os números do desemprego em Navega-City, pois o comentário é que com essa falta de grana que ronda o paço da beirada do poluído Itajaí-açu, terão que meter o pé na buzanfa de mais gente. Uma tristeza.

Debinha na área

Quem anda circulando pela câmara dengo-dengo é o deputado estadual Debinha Malvadeza (PMDB). As línguas de tarrafa alardeiam que tudo por causa das costuras que podem fazer com que o partido abrace o governo Bob Carlos. O que ninguém entendeu é que estes dias Deba chegou ao meio da sessão e não subiu, ficou quase duas horas do lado de fora só esperando seu término. Hummm…

Hugo Chavez

O eterno presidente do Legislativo navegantino, o Hugo Chavez, ops, Alcides Reis Pêra, o Cidinho (PMDB), estes dias tomou um baita chá de cadeira no paço à espera de ser atendido pelo burgomestre Bob Carlos. Que coisa, meu povo!

Tirou e entregou?

Nos corredores de Bombinhas o buxixo é que o prefeito Maneca do Quiosque (PP) teria tirado os super-poderes do Zé Roberto (PP), do Adalberto Vieira (PMDB), e da Maria Alice Pavan (PSTU) e entregou para o ‘menino de ouro’ da capital do mergulho – vice-prefeito e secretário de administração, Yure Schmitt (PPS). Aí tem coisa!…

É de abismar

Confesso que fiquei abismado com o estafante trabalho que vem sendo desenvolvido pelas excelências excelentíssimas da capital da pedrada e do tiro ao vereador. A prefeita loiruda Luzia Coppi (PSDB) afirma que não é mais capital do tiro ao vereador. Esclareceram tudo? Bom, o papo é sobre o trabalho dos parlamentares. Limpar boca de lobo, desobstrução da tubulação (entrar pelo cano, com certeza!) além de iluminação (no escurinho só tem uma coisa boa de fazer…). Confesso que fui e voltei aos píncaros da lua com esse brilhante trabalho de nossos heróis da terra da pedrada. O que pode escrevinhar mais. Deixa eu pensar… Ah, parabéns!

Balança, mas não cai…

Os mais véios devem se alembrar do humorístico televisivo da década de 70, o Balança mas não cai… Não sei por que, mas isso me veio à memória na hora de escrevinhar que a semana promete emoções na câmara de vereadores e pode ser que, finalmente, se destrinche a dor que acomete o vereador do Limoeiro, Marcelo Werner (PCdoB), e o assanhamento do homem do nível quântico superior, o suplente João Eduardo Vequi (PT), que anda com uma saudade da cadeira estofadinha… Ai, ai, ai, ai que dor!

  •  
  • Categorias: JC

2 Respostas to “Jc”

  1. proconbc Diz:

    No último dia 13 às 11h da manhã vi um caminhão da Prefeitura (com brasão colado na lateral) aterrando um terreno na margem esquerda da Antônio Heil (de quem vai de Itajaí sentido Brusque). Isso é legal? Ou, é legal somente para os amigos do Bellini?

    Também quero!! To construindo e pra pagar aterro sai caro meu!!

  2. proconbc Diz:

    Que me lembre, acho que foi num terreno na parte de baixo da Rodovia Antonio Heil:
    http://maps.google.com/?ie=UTF8&ll=-26.976966,-48.794017&spn=0.009963,0.013819&t=h&z=16

    Seria interessante os vereadores pesquisarem, até mesmo a reportagem do Diarinho. O barro deve estar frequinho naquela região…

Deixe uma Resposta