• 20 jun 2009
  • Postado por Tiago

Agradecer é preciso

Quero agradecer ao dileto diretor da secretaria de desenvolvimento econômico, emprego e renda, o decano Carlos Fernando Priess, que declarou numa roda de abobrões da prefa que não lê a coluna deste socadinho escriba porque sou analfabeto. Confesso que já fui elogiado de tudo quanto é jeito, mas por um senhor que garganteia ser comunista, maçom e que tem o prodígio de continuar mamando no poder, despudoradamente, seja qual governo for, é a primeira vez. Obrigado!

Sumidade intelectual

Aliás, na quarta-feira, o véião do Priess e o vereador Marcelo Werner (PCdoB), ficaram por um longo tempo trancafiados discutindo duas coisas: a situação do parlamentar, que corre o risco de levar na espinha por constar de uma empresa que trampa pra prefa de Itajaí, e o futuro de Priess, que é uma sumidade intelectual e histórica da cidade. Um dinossauro, com certeza!

Não acabou

Quem acredita que a história do vereador Marcelo Werner (PCdoB), pego com as calças na mão, tendo seu nome num contrato da empresa da sua família, vai ficar por isso mesmo, pode ter novidades nos próximos dias.

Sinalização?

A pauta da sessão da Casa do Povo de quinta-feira trouxe um projeto de resolução em única votação que cria a Comissão de Ética, de autoria da mesa diretora. Pra quem sabe ler, como diria o Timbuca, uma cagadinha de mosca é letra…

E tem mais…

O presidente do PT de Itajaí, Felipe Damo, pode se encontrar neste final de semana com o homem do nível quântico superior, primeiro suplente João Eduardo Vequi (PT). Hummm…

Nem te ligo

A situação não quer mexer no mandato do parlamentar comunista. Tá muito bom do jeito que está. Agora, a oposição vem com tudo… É esperar e conferir. Ai, ai, ai, que dor!

Deu carteiraço

Que história esquisita a do vereador Paulinho Amândio (PDT), que segundo os linguarudos de plantão, teria dado um baita carteiraço na secretária de educação, Maria Heidemann, e solicitado uma porrada de documentos da pasta. Consta que a muié teria ficado puteada com a ação da excelência excelentíssima. Que coisa, meu povo!

Sisplicando

A assessoria do vereador brizolista Paulinho Amândio explicou a ausência do edil na sessão de quarta e de quinta-feira, que se deu por causa do falecimento de um tio, que tava internado na capital manezinha. Já a assessoria do vereador engomadinho, Clayton Bastchauer (PR), garante que ele tava na sessão de quarta-feira. E, que, inclusive, tava agarradinho no computador. Então tá!

Unha encravada

Cada caso é um caso, só acho que, muitas vezes, as excelências faltam muito e sem muita explicação. E o trabalhador, quando falta, tem que ter um motivo muito consistente e geralmente só é aceito quando tá quase morrendo e tem que ir ao médico, trazendo atestado e o diabo a quatro e, mesmo assim, fica marcado, muitas vezes, na empresa.

Nem te ligo

Já o vereador manda um ofício por um dos seus trocentos assessores dizendo que tá com caganeira, nariz entupido, unha encravada, sogra em casa ou um motivo particular. Não tem desconto, não tem advertência. E, no fim do mês, o gordo salário espirra na conta.

Casarão detonado rende…

O prefeito Jandir Bellini (PP), em entrevista ao Dário Silva, na rádio Difusora, declarou que a questão do tombamento deve ser muito bem estudada, analisada. Jandir afirmou que não se pode ferir o direito à propriedade e que tem que haver critérios para o tombamento. “Estava conversando com o Edson D’Ávila e não podemos tombar a cidade. Iremos engessar o município”, debulhou ao veterano radialista.

Vergonheira

Nove pessoas ficaram por mais de uma hora do lado de fora do teatro municipal, simplesmente, por terem chegado cinco minutos atrasadas para um recital de piano. Além disso, uma sabichona deixou-os por mais de uma hora esperando, garantindo que iriam entrar. Falta de respeito com gente que veio de Balneário, de Jaraguá, entre outras paragens.

Virou sebo e derreteu?

A cantora Gal Costa tem uma música assim: “Onde está o dinheiro? O gato comeu, o gato comeu, e ninguém viu…” Lembrei da estrofe ao escutar um linguarudo de Bombinhas, perguntando onde estão os mais de R$ 22 milhões que o Governo Federal estrebuchou no tempo do ex-prefeito Júlio Margarina (PSDB), conforme o Portal da Transparência. Hein? Hein?

Na capital da pedrada

O PSDB da capital da pedrada, Camboriú, reuniu sua executiva na noite de quarta-feira. Já no sábado o PSC jovem vai ter um encontro estadual na cidade. No encontro do partido do peixinho, quem deve marcar presença é o deputado federal, Ratinho Júnior, entre outros abobrões da sigla. Ano que vem é logo ali…

Que não seja uma droga de draga…

Foi uma gestação de elefante a novela da draga. Os sacrossantos do porto promoveram uma coletiva pra anunciar que a draga Copacabana vai dar aquela chupada básica e retirar a nojerada do fundo do valão que separa Itajaí de Navega-City. Espera-se apenas que seja um filme com começo, meio e fim. E não uma novela mexicana.

Gororoba do JC

No dia 25 de julho, no Tiradentes, acontece a 3ª Gororoba do JC. Quem quiser dar uma chegadinha, pode adquirir a camiseta por adesão pela roubalheira de 35 mangos na Choupana do JC, na rua Francisco de Paula Seara, 192. Ou ainda pelo fone deste temente ao Altíssimo, o 8842-9084.

Tudo certinho

O tenente coronel Onir Mocelin, que é comandante dos valentes combatentes do fogo de Itajaí, em contato com o espaço, garantiu que a corporação no município não tem nenhuma dívida. E que os recursos do Funrebom têm sido bem aplicados em equipamentos, estrutura e manutenção.

  •  
  • Categorias: JC

Deixe uma Resposta