• 17 jul 2009
  • Postado por Tiago

Projeto de adoção

O deputado federal João Mattos (PMDB) se emocionou durante a aprovação do projeto de Lei Nacional da Adoção, que tramitava há seis anos no Congresso. O projeto, de sua autoria, foi uma homenagem ao filho adotivo, falecido aos 15 anos de câncer.

Adotar é um ato de amor

A nova lei aprovada permite que a adoção seja feita por maiores de 18 anos, independente do estado civil, e no caso de adoção conjunta, por pessoas casadas ou que vivem em união estável. Um avanço.

Só falta estrebuchar a grana

Proposta do senador Raimundo Colombo (DEM) foi aprovada na Comissão de Constituição, Justiça do Senado autorizando o Poder Executivo a instituir programa público para a revitalização das áreas ferradas por enchentes no Brasil nos anos de 2008 e 2009.

Uma boa!

Segundo o lageano Colombo, “muito ainda terá que ser feito e muitos recursos federais ainda se farão necessários, mas a idéia principal deste programa é exatamente dar a noção de que tá tudo coeso e coerente na implementação das políticas públicas de reconstrução”.

Na boca dos outros…

Ontem, o bocudo do Rubens Menon, na rádio Clube, ao falar sobre o baile que acontece no Tiradentes com renda para as categorias de base do clube Náutico Marcílio Dias, sob o comando do Abelardo Lunardelli, deu uma baita puxada no homem (dentista) que vive na boca dos outros: “nosso futuro vereador…”

Não quis esperar

Segundo puxa do Porto de Itajaí, a verdade é que o secretário da Pesca de Itajaí, Aguinaldo dos Santos, esteve no terminal para um plá com o superintendente Antonio Ayres, mas como o homi tava em reunião não quis ficar tomando chá de cadeira e ficou de voltar noutra hora. Então tá!

Emprenhado pelo ouvido?

O Aguinaldo da Pesca, contudo, não disse um ai que a situação não era verdadeira. O que convenhamos é o absurdo dos absurdos. Um abobrão da prefa não ser atendido por outro é de rir ou de chorar? E, tem quem diga, que este socadinho escriba, está sendo emprenhado pelo ouvido. Pois sim!

Já se sabia…

É disparado em tudo quanto é canto que o bigodudo ex-prefeito Amílcar Gazaniga é membro por Itajaí do Conselho de Autoridade Portuária, o CAP, e que seu substituto é o Osmari de Castilho, da Portonave (que é sabatinado no Entrevistão de amanhã). Para alguns é o cúmulo dos cúmulos o cara de lá ser suplente daqui…

Bago em cima

A bancada do PT na Leléia, liderada pelo deputado Dirceu Dresch, apresentou uma emenda para segurar a venda de 11 imóveis do governo da Santa&Bela Catarina. Segundo Dresch, um dos terrenos, que tem 205 mil metros quadrados, em Tijuquinhas, Biguaçu, tá sendo oferecido ao preço de R$ 1,9 milhão. O que é 12 vezes menor que o valor de mercado. Hummm…

22 milhões!

Segundo levantamento feito pelos vermelhinhos, a área vale no mínimo R$ 22 milhões e não apenas a mixaria de R$ 1,9 milhão que se pretende com a venda. Além disso, Dresch pontua que o governo do Estado não deve se desfazer de áreas estratégicas e valorizadas, como é o caso deste terreno em Biguaçu.

Acordos dengo-dengosos

Segundo as bocas de tarrafa do outro lado da vala, em Navega-City, tem mais um ingrediente nessa história do enlace do prefeito Bob Carlos (PSDB) e o deputado estadual Debinha Malvadeza (PMDB), visando à entrada do Manda-Brasa no governo a partir de janeiro e as eleições de 2010.

Contas no prego

Além desse acordo, teria ainda a questão da aprovação das contas das gestões 2004, 2006 e 2007 que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) rejeitou, que estão em fase de recursos e que devem desabar logo, logo na casa do povo dengo-dengo.

Não há vagas!

No governo do barbudinho Volnei Morastoni (PT), foi adquirida uma área continua ao cemitério do bairro Espinheiros para aumentar o campo santo. Acontece que os órgãos ambientais indeferiram, porque a dois metros de profundidade tem um lençol freático.

Pra bizoiar os mortos?

No terreno tem uma casa que deveria ser o setor administrativo do local. Acontece que o administrador do cemitério tá morando na casa. Ou seja, um cargo comissionado que ganha uma graninha boa ocupa o local que deveria ser o escritório do campo santo. Com certeza, deve estar cuidando para que nenhum defunto fuja ou se ausente… Só phode!

estrebuchou

Os assessores do deputado federal Décio Lima (PT) esteve na choupana do socadinho escriba e, em relação às criticas do Nei dos caminhoneiros, deixaram um informativo que vem sendo distribuído em Itajaí, em que Décio alega que desde o início do seu mandato já teria estrebuchado R$ 1,6 milhão em emendas ao orçamento federal pra cidade.

E, agora José?

O informativo, que traz num lado o Décio Lima e do outro a sua patroa, a deputada estadual Ana Paula Lima (PT), demonstra que a dupla não vai deixar para o Volnei Morastoni (estadual) e para o vereador Nikolas Reis (federal) os votos da cidade. O que promete acender fogueiras, interesses e vaidades…

Bolo de 51 metros…

Enquanto o homem pássaro, prefeito Edson Periquito (PMDB), se esquiva de levar adiante o número 45 nas comemorações alusivas ao aniversário da Maravilha do Atlântico Sul, o prefeito da capital do marisco, Penha, Evandro dos Navegantes (PSDB), nos 51 anos do município, assina 45 atos no domingo…

Agora tem

A Claudia Severo, da Ong Unibrava e que participa do Conselho de Meio Ambiente de Itajaí, diz que Itajaí esteve por seis longos anos sem um conselho, durante o governo VM. “Que fez questão que não funcionasse”, frisa. E, que desde abril deste ano foi efetivado e que de ‘consultivo’ passou a deliberativo.

Baita desafio

A moça coloca que será um grande desafio criar uma cultura de participação em que o “protagonista” seja apenas o meio ambiente e o bem estar da população e não apenas um mero espetáculo de interesses. Por fim entre outras considerações, provoca que o necessário agora é apoio, credibilidade, sugestões etc. e tal.

Gororoba do JC

Faltam poucos dias para a 3ª Gororoba do JC, que acontece em 25 de julho, na sociedade Tiradentes. Quem quiser dar uma chegadinha no evento pode adquirir a camiseta-ingresso pela roubalheira de 35 reais através do fone (47) 8842-9084 ou na Choupana do JC, na rua Francisco de Paula Seára, 192, Dom Bosco. Corre pra não ficar de fora…

  •  
  • Categorias: JC

Deixe uma Resposta