• 25 nov 2009
  • Postado por Tiago

Quem não deve, não teme…

Engraçado a falação dos vereadores de oposição que não querem saber da abertura de CPIs pra investigar o dom divino do perdão que acometeu as administrações tucanas na Maravilha do Atlântico, que no maior bico lavado do mundo perdoaram dívidas e cancelaram documentos. O rolo, que foi estampado no DIARINHO, pode chegar a quase 50 milhões de reais.

Tem de tudo

O ex-prefeito galego Rubens Spernau (PSDB) já deveria ter vindo a público e dado uma explicação bem convincente sobre o tema. Afinal, uma comissão na secretaria de Planejamento descobriu uma porrada de perrengues que envolveriam a edificação do teatro, do binário, entre outras obras. E os vereadores tucanos fazem a sua parte de afundarem o bico na ferida aberta. Ou tem algum temor?

Tocar a bagaça

O governador bigodudo LHS (PMDB) teria adiantado, através da imprensa, na semana passada, resposta ao homem-pássaro, prefeito Edson Periquito (PMDB), sobre o pedido pra que o governo do Estado assuma o hospital municipal Ruth Cardoso. A frase teria sido rápida e curta: não! O governo não pode assumir o compromisso e o alcaide é do mesmo partido do governador. E agora?

Nem aí

Enquanto essa novela mexicana se desenrola através de vários capítulos, o hospital permanece fechado e os equipamentos se esboroam. E a administração atual não conseguiu fazer a obra do entorno, como os acessos, o estacionamento e o jardim. Seria incompetência ou má vontade? E a grana do município injetada um mês sim e outro também no hospital Santa Inês, que é particular?

Pra entender

Na verdade, o que os puxas do Provesi (PSDB) alardearam é que o reitor da Univali, que é pré-candidato a uma cadeira estofadinha na câmara federal, teria ficado contentinho porque sobrariam na pesquisa do PT cerca de 40% dos votos para serem trabalhados. Com outros candidatos, é claro!

Logicamente…

… que nestes 40% dos votos entram candidatos como Paulinho Bornhausen (DEM), entre outros. Em momento algum este socadinho escriba afirmou que Provesi tem esse ou aquele percentual. O que se escrevinhou é que seus apoiadores, sem conhecer a realidade dos números, alardearam que ele ia pra luta. E só!

Até o turco

Aliás, na citada pesquisa, quando o povão foi incitado a responder em quem votaria pra deputado estadual, um dos nomes lembrados foi do ex-governador turco careca Esperidião Amin (PP). Já pensou?

Enviado especial à China

O ex-vereador Tito Arruda tá ficando com os zoios finos na China de tanto bizolhar as maravilhas daquele país asiático. Tito tá estranhando pacas o rango, que tem mais pimenta que acarajé da Bahia. E seu acompanhante, que fala chinês pelos cotovelos, andou comendo gato, enquanto ele olhava pro lado.

Ser humano em primeiro lugar

Lá em Shenzhen todos os busos e táxis têm ar-condicionado e não se permite a circulação de motos. É outro mundo… Logicamente que não se pode concordar em plenitude com a política comunista que cerceia a liberdade política, de expressão e avilta os direitos humanos.

Da pedrada à capital manezinha

A prefeita loirosa Luzia Coppi (PSDB), da Capital da Pedrada, Camboriú, esticou o bago do zoio pra Capital Manezinha, ontem. A emplumada foi pedinchar recursos pro secretário Dado Cherem (PSDB), nos seus derradeiros dias frente à pasta. E voltou toda prosa.

Aqui e acolá

Luzia teve a garantia que duas grandes obras vão ser edificadas na cidade no ano que vem: uma policlínica no centrão e uma unidade de pronto-atendimento (UPA) 24 horas no distrito de Monstro Alegre, ops!, Monte Alegre. Luzia desfiou um rosário de agradecimentos à atenção que Dado Cherem vem dando ao município.

Caldeirão fervendo…

A eleição para o sindicato dos estivadores de Itajaí tá pegando fogo e, segundo as línguas do cais, uma série de irregularidades estaria sendo levantada envolvendo a gestão do Saul Airoso. Desde a conta do banco estourada até outras situações periclitantes. Que coisa, meu povo!

O mais véio

O gorducho João Armando, em contato com a coluna, esclareceu que apenas a chapa 2, na eleição do centro acadêmico de Farmácia, apresentou recurso, quando do empate, sendo considerada vencedora com o candidato mais véio, nos moldes da legislação eleitoral.

Foram azucrinar

Armando questiona o fato da chapa 1 não ter apresentado a prestação de contas das 350 camisetas na eleição de um curso que tem apenas 296 alunos e que a cor era laranja, a mesma cor da Univali. Porém, o que mais revoltou o Armando foi o fato de um grupo da juventude PP ter ido encher o saco na porta do PTB.

Declarou guerra?

Armando afirma que o grupo era liderado pelo Fernando Pegorini e pelo presidente do DCE, Carlos Henrique Heineberg, e que além de beberem cerveja ainda provocaram tumulto na frente da sede do PTB, numa clara agressão do PP ao partido trabalhista, violando a política da boa vizinhança. “Inclusive, tentaram fechar meu carro e impedir minha saída”, debulhou o presidente do PTB.

Barreou tudo…

Além da prefa de Bombinhas gastar R$ 400 mil com aluguel de caminhões e máquinas, apesar de ter comprado dois brutus e uma retroescavadeira, surge uma bomba de efeito retardado: o motorista de um bruto teria sido afastado por 19 dias por desviar barro comprado pela prefa.

Será que será?

As línguas desaforadas caceteiam que tem um vereador envolvido no rolo. Os bocudos alardeiam que o Maneca do Quiosque (PP) não manda mais na prefa de Bombinhas e apenas assina como prefeito. O povo quer saber pra onde foi o barro se as estradas estão intransitáveis. E agora?

  •  
  • Categorias: JC

Deixe uma Resposta