• 01 dez 2009
  • Postado por Tiago

Dor na cachola

Linguarudos de plantão dão conta que o vice-prefeito Claudio Dalvesco (PSB) pode entrar numa fase de inferno astral. Os bocudos afirmam que o alemão Carlos Dickman seria um dos motivos. Tem quem afirme que o alemão andou tirando diárias pra viajar pro exterior, mas acabou mesmo é passando alguns dias em Bombinhas por conta do dinheiro público.

Na bufunfa

Pra aumentar o inferno astral do simpático secretário, alguém se meteu a besta e teria colocado a mão na bufunfa do próprio Dalvesco. O papo que rola é que, na recente viagem de Dalvesco ao Chile, ele teria decidido levar a patroa, mas puxou pelo bolso e pagou a viagem da cara metade.

Zolhudo

No entanto, um espertinho teria ficado com o dinheiro e empenhado a passagem por conta da Sectur. E depois tem quem jure que o autor de tamanha sacanagem vai acabar se ferrando de primeira a quinta, tamanha a confusão. Eu hein!?

É segredo, viu!?

Estamos no natalino mês de dezembro. Será que a reforma ou o puxadinho do homem dos galináceos, prefeito Jandir Bellini (PP), vai acontecer? Será que, por fim, a dona Lourdes, esposa do alcaide, vai ser informada da reforma? Ou tudo vai ficar na cabeça do Bellini? Talvez, no palitinho, ele resolva…

Cargos à disposição

O mais correto, para que JB não tivesse que promover uma baita mudança que poderia soar traumática para os secretários e o pessoal do segundo escalão e que a dor não alcançasse no fundo os partidos aliados, é que todos colocassem seus cargos à disposição. Daí fica tranquilo pra reformar na buena.

Chamo! Chamo!

E, depois, tem a história já veiculada no nosso DIARINHO de todos os dias que os partidários das siglas que elegeram e compõem o governo não tão confiantes nessa tal de reforma empurrada com a barriga Jandir Bellini & Cia Ltda.

Segunda chance

Até porque JB, com aquela sua fala mansa, insinuou no final do seminário de gestão, que se realizou no final de semana, que era uma oportunidade e coisa & losa para os abobrões bons da boca. Ou seja, o ‘estágio probatório’ do primeiro time aparentemente continua. Ou não?

Desembarcar tudinho?

Essa situação pode acontecer do outro lado da vala, em Navega City, segundo fontes do paço da beira do poluído Itajaí-açu. O Bob Carlos (PSDB) tá pedinchando pra que todos coloquem seus cargos à disposição e, com isso, possa promover mudanças, como alojar o PMDB na maior harmonia do sul do mundo.

Diz que vai, vai…

O apresentador e vereador Evandro Argenton (PSDB), do outro lado da vala, oficializou a sua pré-candidatura a deputado federal. É pra pensar, já que existem sinalizações do presidente estadual da sigla e vice-governador atucanado Leonel Pavan que o nome na região é o do reitor Provesi. Hummm…

Num foi?

Na finalização do seminário de gestão, promovido pela prefa peixeira no chicoso Marambaia Cabeçudas, o único vereador que não deu as caras do grupo dos sete (parece mentira!) foi justamente o líder do governo, o engomadinho Clayton Batschauer (PR). Por que será, hein?

Sopra o vento, sopra o vento…

Será que foi nessa hora que o engomadinho circulava alegremente pela praia Brava em companhia do pastor Sérgio Alves? A dupla aproveitava o calor medonho pra dar umas bandas por uma das praias mais desejadas deste mundão de meu Deus. Daí que não pôde participar. Só pode né!?

Dá um panetone aí!

Com a revelação de que o governador José Arruda (DEM) recebeu uma bela bolada na buena, ficou tudo empatado, lamentavelmente, entre oposição e situação. O PT tinha lá o seu mensalão e o agora ‘correto’ PFL, ops!, Dem, também mostra que safadeza não tem partido ou ideologia.

Quero novidade…

A revista Veja com a matéria e carão da filha e genro do presidente Lula, além do deputado federal Décio Lima (todos PT), levanta uma série de suposições sobre telefonemas e grana recebida, com material requentado, afinal, o DIARINHO já publicou o fato há um caralhão de tempo. Mesmo assim, a matéria caiu como um baita petardo.

Mui amigos…

A bomba estourou, principalmente, no colo do deputado federal Décio Lima, que almeja ser reeleito pra sua estofadinha cadeira na câmara Federal. E o petardo se torna mais letal, porque não apenas seus opositores fazem questão de divulgar a engronha, mas também aliados, ou melhor, partidários amigos… (!) Credo!

No mundo da lua?

O deputado estadual Debinha Malvadeza (PMDB) deve estar no mundo da lua. Ontem, através de release, alardeava pedincho para uma lambada, ops!, lombada eletrônica na avenida Jorge Lacerda. Deba alfinetava que os vereadores peixeiros tão se estrebuchando e nadica de nada da instalação da tralha eletrônica no local.

Emprenhado pelo zovido?

Já o vereador bigodudo Lamim (PMDB) soltava foguetes garantindo que tava tudo pronto para a instalação da parafernália que vai dar uma dor medonha no bolso dos pés de chumbo que dirigem por aquela importante rodovia. Realmente, o trambolho tava sendo instalado, ontem. O Deba num sabe? Tá sendo emprenhado pelo zovido?

Briga dentro de casa

Uma verdadeira briga de foice no escuro vem sendo travada entre o vereador e o deputado. Deba quer ser candidato à reeleição pra ficar com os glúteos grudados na estofada cadeira da Leleia. E seu ‘companheiro’ de sigla, Lamim, sonha em estar na Assembleia a partir de 2011. “É soda!”, diria a madre superiora.

Boca no trombone

Como o colega colunista Fernando Alécio revelou, o gorducho Luiz Carlos Pissetti (DEM) já mandou a procuradoria da câmara de Vereadores de Itajaí promover mudança no regimento interno propiciando que o cidadão possa se manifestar. Serão 30 minutos, divididos em cinco para cada inscrito. E a ideia foi do Marcelo Saldré.

  •  
  • Categorias: JC

2 Respostas to “Jc”

  1. osni Diz:

    O Argenton não conseguiu se eleger vereador (é suplente) e quer ser deputado federal? Parabéns pelo otimismo!

  2. pmitajai Diz:

    o kara tem dois dia 1º de dezembro eh..kkkkk
    arruma ai o viadagem do diarinho

Deixe uma Resposta