• 03 dez 2009
  • Postado por Tiago

Agradecer é preciso

Quero agradecer aos leitores destas mais do que estrebuchadas linhas, publicadas um dia sim e outro também há quase seis anos neste nosso DIARINHO de todos os dias, pela lembrança do níver deste socadinho escriba, ontem. Foram telefonemas, mensagens e e-mails. É a certeza de estar no caminho certo. Obrigado!

Se encagaçaram

A eterna locomotiva do society, Renato Ribas (PSDB), a loiruda Susi Bellini (PP) e o brizolista Paulinho Amândio (PDT) não grudunharam a assinatura no projeto que na pauta tava assinalado como de todos os vereadores, denominado de “Cansamos do governo do Estado em Itajaí”.

Couro daquilo

O saudoso véio Dalmo Vieira cacetearia que a sessão de terça-feira do ex-aquário peixeiro mais parecia couro de pica. Era um vai e vem medonho que não acabava mais. Tudo por conta do projeto que baixou as comissões silenciosamente. A bancada governista chegou a se reunir pra liberar pra quem quisesse assinar.

Deu reboliço

O projeto idealizado pelas excelências excelentíssimas deu o maior rebuliço do sul do mundo. O Pi7 (DEM) chegou a ligar pro presidente da Leleia, Jorginho desaba palanque Mello (PSDB), informando sobre o perrengue danado.

Num phode!

Até o vice-governador atucanado Leonel Pavan (PSDB), que assume em janeiro o comando do Estado, foi informado e na SDR peixeira o assunto não deixou de ser comentado. Há quem acredite que a medida é válida, apesar de não dar em nada. Já outros ponderam que é arrumar briga à toa. Ainda vai render…

É isso aí

Um juiz da comarca chegou a visitar o desassossegado Pi7 para lhe parabenizar e não lascou que a medida não tem constitucionalidade.

Salgou geral

O ex-presidente do Marcílio Dias, Egon da Rosa, andou serelepe pela casa do povo peixeiro. Egon estava atrás de informações sobre o bendito pré-sal, pois representaria uma empresa especializada em segurança que vende botas, capacetes entre outros badulaques.

Pés pelas mãos?

Até hoje tem quem se pergunte no gigante das Avenidas se o Egon era mal-intencionado ou trapalhão mesmo. As línguas futebolísticas espalham é que a passagem de Egon foi desastrosa e atrasou a vida do Marcílio Dias em no mínimo 10 anos. Não é mole não!

Em pratos limpos

O que se sabe é que o presidente eleito do Cílio, Abelardo Lunardelli, pretende abrir a caixa preta e mostrar a real situação do clube, doa a quem doer. Até porque, como ele poderá ter o apoio dos empresários e da sociedade como um todo se empurrar a sujeira pra debaixo do tapete, como muitos fizeram?

Isso eu já sabia!

O vereador das praças de Bombinhas, Marcos Perrone (PP), foi pra rádio Mariscal e debulhou o porrete no lombo do ex-prefeito Júlio Margarina (PSDB). Perrone chamou Margarina de cara de pau e debulhou que ele deixou uma montanha de dívidas e processos. Perrone demorou 10 meses pra descobrir a pólvora?

Lista dos velhacos

Perrone ficou calado ao lado do prefeito Maneca do Quiosque (PP), já sabendo dessa montanha de sacanagens. Fez boquinha de siri. Agora, depois de uns vorteios por Brasília, é que descobriu que o município tá no Cadin e não pode receber nadica de nada de verbas? Me engana que eu gostcho!

Bago em cima

O vereador topetudo Osvaldo Gern (PP), mesmo estando se recuperando de uma cirurgia, teria acompanhado e participado através da sua assessoria da solução do perrengue das cadeiras nas areias da praia Brava, junto com a Famai, secretaria de Turismo, SPDU e Ministério Público.

Mijou fora

A decisão delimitando o que pode e não phode na praia Brava é um paliativo pra esta temporada de verão. Ano que vem uma lei de gerenciamento da orla deve normatizar essas, entre outras questões. É bom lembrar que o cabeça branca Nilton Dauer tem sido uma grata surpresa na Famai. Mijou fora da pichorra, não tem perdão pro homi. Tá certo!

Se estrelinha

Aliás, a operação a que se submeteu o Gern parece que lhe deu novo ânimo. Ele tava com as veias da perna escangalhadas. O problema é que ele tem que dar uma mexida na outra perna também. O homi tentou trepar numa escada pra botar uma estrelinha no seu pinheirinho natalino e não conseguiu com uma perna boa e a outra bichada. Eita coisa!

“No hospício”

O ex-prefeito bigodudo Amílcar Gazaniga garantiu ao Dário Silva, Célio Fóes e Paulo Camisotti que não é e nem será mais candidato a nada. E que se alguém o vir pedindo voto pra si próprio que o interne porque ele teria despirocado.

Deu as caras

No seminário de Gestão que se realizou no findi, o presidente da câmara de Itajaí, o Pi7, convidou os secretários abobrões a dar uma chegadinha durante as sessões legislativas. O primeiro que deu as caras com um paletó que parecia de comandante de navio foi o procurador geral do município, João Paulo Tavares Bastos Gama (ufa!).

Tudo certinho

Tem peemedebista que tá com os ovos no vinagre ao saber que o novo batalhão da PM do outro lado da vala, em Navegantes, será comandado pelo tenente coronel Otávio. Tudo porque o então capitão Otávio andava pra cá e pra lá com o então candidato à reeleição a prefa de Itajaí, Volnei Morastoni (PT). “Será que o PMDB se acertou com o PT?”, debulha um inconformado. Que coisa, meu povo!

Vergonha!

A tal da capina química é proibida em Itajaí. Antigamente, os safados dos ex-administradores tocavam o veneno em ruas e praças, entre outros logradouros públicos. O veneno matava passarinhos e acabava divorta no rio, num processo criminoso. Pulula informação de que uma secretaria passa a porcaria em terreno. É de ficar abismado se for revelado o local. Criem vergonha na cara e juízo, pessoal!

  •  
  • Categorias: JC

Deixe uma Resposta