• Postado por Tiago

Em uma chorosa sessão solene, o deputado federal João Matos (PMDB) recebeu, na quinta-feira, uma homenagem da assembleia Legislativa pela Lei Nacional da Adoção, de sua autoria, aprovada em outubro. A homenagi foi proposta pelos deputados estaduais Rogério Peninha Mendonça (PMDB) e Dado Cherem (PSDB).

“Recebo esta homenagem em nome de 180 mil crianças neste Brasil que esperam uma solução e encaminhamento para suas vidas. Agradeço ao Dado e ao Peninha que propuseram esta sessão e a dedico a todos que têm acreditado na gente durante tantos anos”, discursou o dengo-dengo.

A exibição do documentário que conta a história de Cléber Matos, o filho adotivo do deputado, falecido com câncer aos 15 anos, emocionou a plateia. “O Cléber veio com uma missão, cumpriu-a e retornou. Trouxe-me uma mensagem para que, como representante na casa de Leis, fizesse alguma coisa pelos menores abandonados”, disse o parlamentar.

João Matos também lembrou da importante participação da juíza da Vara da Infância e Juventude de Balneário Camboriú, Sônia Moroso, na elaboração do projeto. “Que fique registrado na história da magistratura catarinense o esforço e dedicação desta juíza e mãe adotiva em prol desta lei”, disse.

O deputado Dado Cherem, também pai adotivo, relatou detalhes da experiência que teve e falou da importância de incentivar esta prática no país. “Felizmente, o quadro está mudando. Estamos em processo de implantação da cultura de adoção no Brasil e agora temos uma lei específica para esta área”, comemorou o deputado.

  •  

Deixe uma Resposta