• Postado por Tiago

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) não vai julgar o recurso de Porto e Concórdia nesta quinta-feira e, com isso, o quadrangular final do Catarininha foi adiado dinovo, pra desespero dos torcedores. O campeonato deve recomeçar dia 18, domingo, mesma data da abertura da Copa Santa Catarina.

Na verdade, o recurso da confusão na divisão especial catarinense nem chegou a entrar na pauta de hoje. A “culpa” foi do próprio STJD, que vai julgar divez a bagaça só no dia 15 deste mês. “Tinha três processos de Santa Catarina e eles incluíram na pauta de hoje um processo que não era esse. Menos mal que o pessoal (da divisão especial) abriu mão de disputar a Copa Santa Catarina”, explica Fábio Nogueira, gerente do departamento técnico da federação Catarinense de Futebol.

O recurso que “furou a fila” de Porto e Concórdia no STJD foi o da confusão envolvendo o jogo que não aconteceu entre Navegantes e Camboriú, pela sétima rodada do primeiro turno, quando o Cambu ganhou os pontos do jogo porque o NEC não tinha reservado o estádio das Nações, em Balneário Camboriú. Na hora do jogo, uma festa tava rolando, pra surpresa do presidente dengo-dengo Egon da Rosa.

Sorte que a notícia que o julgamento passou pro dia 15 chegou a tempo da diretoria do Camboriú, clube interessado numa das vagas que poderão abrir no quadrangular, conseguir cancelar as passagens compradas pro Rio de Janeiro pra ontem. “Vamos aguardar, mas estamos tranquilos. Vocês ainda vão cobrir o nosso jogo contra o Juventus”, garante confiante o diretor de futebol do Camboriú, Gilvan Meireles.

  •  

Deixe uma Resposta