• Postado por Tiago

A história de que o meia Pedrinho tava amolado com as críticas da imprensa e teria pedido pra sair do Figueirense é mentira. Hoje, após ganhar as contas dos cartolas alvinegros, o jogador contou porque ganhou o bonéu.

“O problema foi o custo-benefício. Não tive uma sequência boa de jogos e o salário era alto. Como o clube caiu para a Série B, diminuíram muito os recursos financeiros. O clube me procurou para fazer um acordo e eu entendi perfeitamente. Fiquei triste, mas respeito. Gostaria de ficar até o final do ano, mas as coisas nem sempre acontecem da forma que a gente quer ou planeja”, comentou o jogador, que chegou em janeiro e, por lesões, ficou muito tempo no departamento médico.

Pedrinho despediu-se dos colegas de time e no gramado do estádio Orlando Scarpelli, ouviu do técnico Roberto Fernandes palavras de agradecimento por sua participação. “Tem pessoas aqui que gosto bastante e mesmo de fora vamos manter o contato”, comenta o jogador de 32 anos. Sobre o futuro, Pedrinho diz que vai dar um tempo. “Vou ser bem sincero. Quero dar uma esfriada na cabeça, pensar um pouco. Esperar. Entregar nas mãos de Deus e tocar em frente”, disse emocionado.

  •  

Deixe uma Resposta