• Postado por Tiago

Lançada logo após a morte de Michael Jackson, a biografia do rei do pop traz detalhes bombásticos da sua vida íntima. Segundo o livro Unmasked: The Final Years of Michael Jackson, escrito por Ian Halperin, o cantor saía de casa na calada da noite, disfarçado de mulher, para encontros gays em motéis baratos, de quinta categoria, pois era o que o astro falido podia pagar.

“Michael raramente saía de casa. Mas quando o fazia, era para se encontrar com amantes em motéis de beira de estrada”, revela Ian. O autor afirma que conversou com dois amantes de Michael – um garçom e um aspirante a ator. “Ele era muito tímido. Mas, durante o sexo, era insaciável”, teria relatado o ator. Um dos dois contou a Ian que, na primeira em vez que fez sexo com Michael, ele teria lhe dito: “O rei do pop vai chupar seu pirulito”.

A biografia revela ainda que todos que cercavam o astro sabiam que ele era gay. No livro, há ainda a informação de que Michael chegou a avisar sua filha Paris, de 11 anos, que iria morrer logo.

fonte: http://meiahora.terra.com.br/blog/deu_louca_no_mundo/

  •  

Deixe uma Resposta