• Postado por Tiago

Maravilha do Atlântico ficou socada de gente no mês passado

Balneário Camboriú fechou o mês de janeiro com o maior número de turistas dos últimos cinco anos. Mais de 818 mil pessoas passaram pela Maravilha do Atlântico, quase 50 mil a mais do que no ano passado. A presidente do sindicato dos Hoteleiros da city, Karina Petters, diz que os hotéis continuam com boa lotação até depois do Carnaval, quando é a vez da galera da terceira idade curtir a praia. ?A ocupação não será mais tão intensa, mas continua?, comentou.

A conta feita pela prefa pra calcular o número de visitantes leva em consideração a quantidade de busões que desembarcam na cidade e o aumento na coleta de lixo, em comparação com outros meses do ano. Em 2006, foram 633 mil turistas em janeiro. O número foi crescendo ano a ano, até chegar aos 818 mil de 2010. ?Isso é resultado de vários anos de divulgação constantes, nos países do Mercosul e no Chile?, disse Karina.

Ao todo, 988 ônibus passaram pelo portal de Informações Turísticas (PIT) em janeiro, uma média de 32 por dia. A maioria dos busos tava lotada de brasileiros. Os segundos em número de busões foram os argentinos, seguidos de perto por paraguaios, uruguaios e chilenos.

Mesmo assim, a quantidade de hermanos argentinos que passou pelo Balneário ainda foi menor do que o esperado pela prefa. A secretaria de Turismo informou que a queda foi por conta da desvalorização do peso, a grana dos gringos. Viajar pro Brasil acabou ficando caro pra muita gente que não abria mão de passar as férias por aqui.

O diretor de Turismo da secretaria, Ademar Schneider, acredita que se não fosse esse probleminha de dindim, a quantidade de turistas poderia ser ainda maior. ?Chegamos a um resultado excelente e o público paraguaio representou um acréscimo de 100%?, comentou.

Vieram, mas de carro

Pra presidente do sindicato dos hoteleiros, os argentinos pintaram por aqui sim, só que não em excursões, como em outros anos, mas de carro. ?Houve redução no número de argentinos que vinham em grupos, mas foram compensados por aqueles que vieram com seus próprios veículos?, disse Karina.

O sindicato ainda não fechou os dados de ocupação no mês de janeiro, mas ela sabe que os números foram bons. ?Com certeza tivemos um aumento significativo na ocupação?, acredita.

A expectativa é de leitos lotados até o Carnaval. ?Devemos ter uma boa ocupação até o mês de março, quando esperamos mais turistas do Mercosul e os da terceira idade?, finalizou Karina.

  •  

Deixe uma Resposta