• Postado por Tiago

Um mequetrefe meteu um assalto numa padaria do bairro Areias, em Cambu, no início da tarde de ontem. Não contente em ter deixado o povão que tava por ali de cabelo em , e em rapar toda a grana que tinha na caixa registradora, o malaco ainda carcou uma coronhada de revólver na cabeça do dono da padoca. O bandido fugiu e não foi encontrado pela polícia.

Era por volta das 13h30 quando a panificadora Douglas, que fica na rua São Paulo, recebeu a visitinha do coisaruim. O assaltante nem fez firula, entrou no comércio com um capacete preto enfiado na cachola, um revólver calibre 38 na mão, e foi logo lascando o mãos ao alto, pro apavoro do pessoal que tava por ali.

O dono da padaria, J.S., 30 anos, teve que seguir as ordens do bandido pra não acabar levando um tirombaço. O traste o obrigou a abrir a caixinha registradora e tirar toda a grana que tava guardada.

O assaltante meteu a mão no dindim, cerca de 90 pilas, e, antes de siscafeder, acertou uma coronhada com força no dono da padaria, deixando o cara com um baita galo na cabeça. Bizolhudos de plantão viram que o assaltante correu até a rua ao lado e trepou na carona de uma cabrita, onde um comparsa esperava por ele.

A puliça Militar foi avisada sobre o assalto e saiu à cata dos bandidos. Os meganhas fizeram rondas pela região, mas não acharam nem sinal dos caras.

  •  

Deixe uma Resposta