• Postado por Tiago

INTERNA-BAIXO-PAG-23---base-do-marcilio-x-base-figueira---foto-felipe-vt

Molecada da base já volta a ralar em janeiro

Não é porque a Segundona do Catarinense e a série D do Brasileiro começam só depois da copa do Mundo que o Marcílio Dias vai ficar parado no começo de 2010. Ainda sem planejamento pro profissional, o torcedor vai ter que se contentar em ver as categorias de base do clube em ação. A garotada, que só levou pau no campeonato Catarinense juvenil e juniores, vai trabalhar desde desde cedo pra tentar mudar o quadro.

Com o comando de Antônio Augusto, os moleques começam a treinar em janeiro, no Gigantão das Avenidas. ?Devemos iniciar dia 11 com o pessoal dos juniores, pra dar o pontapé inicial. Se tiver uma competição já poderemos jogar?, diz o técnico.

Além de se preocupar com a base, o comandante também tem que desmentir rumores de que seria o novo técnico do profi em 2010. ?É apenas boato. Por enquanto sou técnico dos juniores?, diz Antônio Augusto, que deixou no ar um aviso à diretoria. ?Não é que não descarto, é porque o convite não aconteceu. O objetivo é chegar ao profissional, mas acredito que o Marcílio procure um técnico de nome. Talvez possa entrar como auxiliar. Vamos deixar as coisas acontecerem naturalmente?.

Representando Itajaí nos jogos Abertos de Santa Catarina, o treinador da molecada marcilista diz que alguns jogadores poderão ser aproveitados no profi. ?São meninos que já estão em condições de ajudar o profissional. Foram bem nos Jasc e tem muita gente de olho neles. Lá em Chapecó teve bastante interesse?, fala Antônio Augusto, que terá cerca de 20 jogadores à disposição, e confirma que vão rolar peneiras em breve.

Portas abertas

Já na ativa como novo diretor de futebol, Euzébio Pereira Neto, o Caloca, deixou claro algumas coisas em relação à comissão técnica pra 2010. Talvez a mais importante seja retorno do ex-presidente Marlon Bendini, dessa vez como auxiliar de Caloca no futebol. ?É meu amigo há 17 anos. Todas as pessoas que quiserem trabalhar positivamente estão com as portas abertas?, diz.

Sobre técnicos, Caloca fala que é cedo pra definir nomes e também desmentiu a contratação de Zeca Albuquerque. ?Não tem nada. Inclusive almocei com ele e com o Marlon, mas só pra falar de futebol?, finaliza.

  •  

Deixe uma Resposta