• Postado por Tiago

Quatro pessoas morreram afogadas no final de semana na região de Itajaí e Porto Belo. Maicon Pinto Pedroso, 25 anos, foi visto pela última vez entrando no mar da praia Brava, em frente ao hotel Atlântico, em Itajaí, por volta das 23h30 de sexta-feira. Já o dimenor Rubens Manoel de Souza, 13, se afogou com um amigo no cantão da praia do Gravatá, na manhã do sábado. Os dois foram encontrados na manhã de ontem pelos vermelhinhos.

Em Balneário Camboriú, uma pescaria terminou em tragédia pra família do torneiro mecânico José Carlos dos Santos, 57 anos, que morava na praia de Cabeçudas, no Itajaí. O coitado tava no costão da praia do Estaleiro, em cima de uma pedra, quando escorregou, caiu no mar agitado e acabou morrendo. Já em Porto Belo, um afogamento tá intrigando a polícia Civil. O corpo de um homem foi achado por volta das 18h de sábado, boiando na região da marina onde ficam estacionados os barcos dos ricaços.

O primeiro a sumir no marzão de Deus foi o hippie Maicon Pinto, na noite de sexta-feira. O cara era da city de Dois Vizinhos, no Paraná, e tava trampando na região durante a temporada vendendo bijuterias e artesanatos. O vendedor ambulante deixou o material na areia e foi dar um mergulho noturno. Ele foi levado pelo marzão, só sendo encontrado na manhã de domingo. O coitado foi reconhecido pelos vermelhinhos porque deixou os documentos na areia.

Os bombeiros chegaram a revirar o mar no sábado pela manhã de lancha, por toda a extensão da praia Brava, mas não tiveram sucesso. O corpo Maicon foi encontrado boiando, no canto da praia dos Amores, já em Balneário.

Mais um

Em Navegantes, por volta das 10h de sábado, Rubens Souza e mais um amigo, que não teve o nome revelado, foram arrastados perto da foz do rio Gravatá. Os vermelhinhos do posto de guarda-vidas sete, que fica logo em frente, saíram correndo para socorrê-los, mas só conseguiram salvar um deles. A equipe de buscas de Itajaí pintou na área com o jet-ski pra procurar pelo pequeno, que só foi encontrado por volta das 10h30 de ontem.

  •  

Deixe uma Resposta