• Postado por Tiago

Uma muié que tinha uma dorzinha nas costas levou um cagaço em São José quando resolveu ir numa clínica de massagem. Quando ela se deu conta, o massagista Carlos Luís Borges, 63 anos, tava peladão ao seu lado, pronto pra fazer algum tipo de bobiça. O marido da vítima que tava esperando na recepção não gostou nada da brincadeira e chamou os homisdalei. O massagista tarado foi levado pra depê, mas fugiu sem que os tiras percebessem.

A vítima disse que teria procurado o massagista porque teve uma distensão no ombro esquerdo. Como sentia muita dor, a cunhada recomendou o massagista taradão. Ao chegar na clínica, o traste mandou o marido dar uma voltinha, porque ele iria demorar uma hora.

O massagista trancou a porta a chave e mandou ela tirar a roupa. Quando deitou na maca, ele desabotoou o sutiã da dona e começou o tratamento milagroso. Só que ele começou a esfregar a moça pelos pés, mesmo ela tendo avisado que a dor era só nas costas, mas o especialista disse que precisava fazer a massagem completa.

Ele teria subido as mãos pelo corpo da dona até começar a massagear a busanfa. A coitada até desconfiou, mas achou que o cara era profissional. A ficha caiu mesmo na hora em que sentiu as mãos mágicas do véio bolinando seu fiofó. Ele mandou ela relaxar e virar a cabeça pro outro lado. Ela viu que os toques tinham ficado mais suaves, e quando foi ver, o véio tava é peladão – e se esfregando nela. Ela deu um grito, vestiu as roupas, e conseguiu abrir a porta porque a chave tava na fechadura.

  •  

Deixe uma Resposta