• Postado por Tiago

O Centro Obstétrico e a UTI Neonatal do Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhausen voltaram ao trampo com sua capacidade normal nesta quinta-feira.

Desde o início de junho as atividades no hospital tavam meia-boca por conta da detecção de bactérias ultra-resistentes na UTI neonatal. Pra evitar que os bebezinhos recém-nascidos tivessem de ser internados na unidade suspensa, foram realizados apenas partos e cesáreas de emergência. Neste tempo o setor passou por uma geral, com direito a desinfecção e reforma, até que nesta quinta-feira, dia 16, voltou a funcionar normalmente.

A diretora técnica do hospital  Denise da Nova Cruz ressalta a importância do trabalho da Vigilância Sanitária do Estado e da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar que imediatamente tomaram as medidas necessárias, evitando maiores problemas.  “Mesmo com a presença deste mecanismo dentro da UTI não registramos nenhum óbito relacionado à infecção e todos os bebês estão recebendo os cuidados neonatais de rotina”, comemora ela.

  •  

Deixe uma Resposta