• Postado por Tiago

INTEERNA_14_abre-direita_escadaria-praia-geremias_foto-felipe-vt-(3)

Daqui a pouco só com foice vai dar pra chegar na praia

O mecânico João Luiz de Souza, 48 anos, desde moço frequenta a charmosa prainha do Geremias, pertinho do Bico do Papagaio, nas Cabeçudas, em Itajaí. Imagine você o desânimo que teve quando levou os netinhos pra passear e viu que o mato tava tomando conta da escadaria que leva à praia. O pior foi quando bizolhou num cantinho cinco sacolas de lixo e uma tartaruga morta.

Geremias, diz o mecânico que mora no bairro São Viça, é o ponto mais indicado pra levar criançada, já que suas águas são calmas. Na quarta-feira ele esteve nas Cabeçudas com a esposa e com os netos. Como o mar tava muito agitado, resolveu levá-los pra praianha ao lado do Bico de Papagaio, onde sempre levou os filhos quando eram pequenos. A surpresa foi ver que o mato tava crescendo solto na escadaria de cerca de um metro de largura.

Também ficou indignado ao ver a tartaruga morta entre sacolas de lixo. ?É um sentimento de abandono. Na verdade, a prefeitura sempre deixou a desejar naquela praia?, critica. Pro leitor, a prefa prefere cuidar de Cabeçudas, ponto turístico da cidade, e por isso mais frequentada, do que da praia do Geremias. Em Cabeçudas, comenta João, o mato tava roçadinho e não tinha lixo jogado.

Tão limpando

Tarcízio Zanelato, secretário de obras, afirma que as praias de Itajaí são limpas todo santo dia, inclusive sábados e domingos. O secretário explica que a equipe passa pela manhã recolhendo a lixarada deixada pelos frequentadores. ?Se você fizer um balanço das praias, vai ver que nós fizemos a limpeza?, comenta. Por isso, o secretário supõe que as sacolas e a tartaruga tenham aparecido no local durante a tarde.

Sobre o mato, Zanelato argumenta que os peões roçam a city a cada 15 dias. O secretário disse que entraria em contato com o sub-prefeito da Fazenda pra ele ir verificar se a grama na escadaria da praia do Geremias não foi roçada.

  •  

Deixe uma Resposta