• Postado por Tiago

A manhã de ontem foi marcada por uma perseguição em Balneário Camboriú. Pra conseguir prender um falsificador, os meganhas tiveram que largaram um tirombaço de borracha nas costas do suspeito. O traste foi preso e na casa do safado foram encontradas carteiras de identificação falsificadas.

Os tiras chegaram até Marcos Roberto Braz, 33 anos, quando faziam rondas pela Marginal Oeste. Eles viram o carinha passar montado numa motoca e tentaram abordar o suspeito, que pisou fundo no acelerador e simandou. Passou por baixo do viaduto da BR-101 e fugiu em direção ao bairro dos Municípios.
Marcos entrava na rua Corupá, quando levou um balaço de borracha nas costas.

Ele não guentou o impacto da azeitonada e caiu na chón. Também ficou com uma baita ferida no lombo e não teve outra alternativa a não ser se entregar.
Vendo que o rapaz só poderia esconder algo, afinal correu dos meganhas quinem o diabo foge da cruz, os policiais não perderam tempo e deram um atraque na casa do cara, que fica na mesma rua. Reviraram o local de cabeça pra baixo e encontraram 10 documentos de identidade em nome de diversas pessoas. Embora os nomes fossem diferentes, todas as fotos eram de Marcos.

Como colar fotinho em documentos de identificação é considerado falsidade ideológica, o sujeito foi em cana. Antes de dar um pulo na delegacia, os policiais levaram o acusado pro hospital Santa Inês. Em seguida, ele ganhou uma vaga no xadrez.

  •  

Deixe uma Resposta