• Postado por Tiago

A casa caiu pra dois traficas de Tijucas. Na noite de quinta-feira, os meganhas deram um atraque num bar da rua Isabel Soares Mendes, no bairro Pernambuco, e recolheram quase um quilo de maconha. A erva do Bob Marley estava com dois rapazes metidos a espertinhos. Eles esconderam a porcariada dentro de uma caixa de leite e juravam que ninguém ia desconfiar.

O milicos receberam uma denúncia cabeluda e bateram no boteco pra averiguar a treta pelas 19h30. Quando entraram no local, o pessoal melou a cueca e fez cara de quem tava devendo alguma coisa. Os tiras deram uma geral no pessoal e reviraram o estabelecimento de cabeça pra baixo.

Logo desconfiaram de uma caixa de leite que estava guardada em um canto. Como em bar não é costume vender leite mas sim cachaça, os policiais abriram a embalagem e encontraram 870 gramas de maconha. A droga estava dividida em 33 tabletes. Em outros potes plásticos, acharam vestígios de crack e cocaína.

Foram apreendidos ainda carteiras de cigarro falsificadas, 11 folhas de cheque sem nome, cinco celulares e R$ 359 em notas miúdas, que é uma das características da venda de drogas. Numa procura mais detalhada os fardados apreenderam uma balança pra pesar a porcaria e um revólver calibre 38 e cinco munições.

Com tanta treta, o filho do dono do boteco, Lauro Galdino da Cruz Júnior, o amigo, Ricardo Jacó Flores, e a mulé, Rejane Nunes, foram levados pra bater um papo na delegacia da city. Depois de sisplicarem, os caras assumiram a treta e foram parar no xilindró por tráfico de drogas. A moçoila foi liberada.

Pelas informações repassadas pelos homisdalei, a venda de drogalhada é passada de geração pra geração entre a família Galdino. O pai de Lauro é conhecido dos meganhas por volta e meia ir em cana por tá metido com o tráfico.

  •  

Deixe uma Resposta