• Postado por Tiago

O fim de semana foi manchado de sangue em Balneário Camboriú. Um rapaz tomou um balaço no meio da cabeça por volta das 22h de sábado, no bairro dos Estados. Horas depois, um dimenor foi preso acusado de cometer o crime. A polícia desconfia de acerto de contas do tráfico de drogas.

André Danilo da Silva, 19 anos, tomou o tiro na cabeça enquanto caminhava pertinho da padoca da avenida Santa Catarina. Ele foi levado pelo Samu pro hospital Santa Inês, onde foi medicado, teve a bala de calibre 22 retirada da cachola e logo em seguida ganhou alta. O sujeito deve ter o corpo fechado, já que se recupera em casa e não corre risco de morte. A azeitonada foi mandada por um desafeto que siscapuliu correndo.

Pelas 5h30 de domingo, uma baratinha da PM que dava uma banda pela rua Criciúma colou num tampinha de 15 anos que tem as mesmas características físicas do atirador. O dimenor foi reconhecido por André como sendo o autor da tentativa de homicídio. Ele foi levado pra bater um papo com os homisdalei da delegacia do menor.

O miniacusado coleciona passagens por porte de drogas e é conhecido da puliça por vender porcariada no bairro dos Municípios. Apesar da acusação, o suspeito-mirim fez boquinha de siri e disse que só abre o bico na frente do juiz. Hoje ele deve ser levado ao fórum pra conversar com os representantes da dona justa, que decidirão se o moleque vai pra trás das grades ou se volta pras ruas.

André também resolveu ficar caladinho. A vítima não quis contar muitos detalhes da treta pros tiras e disse não ter dado motivos pra querer ser mandado pra terra dos pés juntos. A polícia acredita que o rapaz tá devendo pra bandidagem, mas prefere ficar calado pra não se enrolar mais.

Encrenqueiro mete bala em dois baladeiros

Um malucão não identificado disparou contra os clientes da boate Spirit, no bairro Saco Grande 2, em Floripa, depois de ter sido tirado na marra pelos leões de chácara porque tava incomodando. O entrevero rolou lá pelas 3h de sábado. A PM informa que duas pessoas foram atingidas. Uma delas levou um tiro de raspão na perna e a outra foi atingida nas costas. O atirador siscapuliu antes da chegada da polícia.

Bandidos detonam caixa eletrônico do Itaú

Na madruga de sábado, uma quadrilha de arrombadores detonou caixa eletrônico do banco Itaú da avenida Presidente Kennedy, no bairro Campinas, em São José. Os homis disseram que a quadrilha colocou um tapume em frente à agência pra esconder o auê lá dentro. A polícia não divulgou o quanto foi levado dos caixões. Os bandidos não foram encontrados e, na pressa, acabaram sisquecendo um maçarico no local.

  •  

Deixe uma Resposta