• Postado por Tiago

INTERNA_12_abre-direita_--Carga-e-Descarga-CompreFort_foto-menina-superpoderosa

Pedestres precisam caminhar no meio de caixas e sacos pra conseguir passar pela calçada

A calçada da avenida Marcos Konder, no centro de Itajaí, fundos do supermercado CompreFort, tá servindo de corredor pros peões carregarem e descarregarem as mercadorias. O resultado do trampo é pedestre tendo que desviar de sacos e caixas empilhadas pra conseguir passar pelo local.

Ontem à tarde o perrengue tava gigante. Enquanto eram descarregados quilos e mais quilos de arroz, farinha, açúcar e outros produtos, o povão tentava passar pela calçada. Era um fuzuê danado: carrinhos com as mercadorias, peões e os pedestres, tudo misturado, usando o mesmo lugar.

A contadora Marilene Soares Pereira Santos, 45 anos, moradora dos Cordeiros, caminhava pela calçada no momento da muvuca. Aproveitou a presença do DIARINHO pra descer o sarrafo. ?Isso não é só hoje, é todo o dia. Eu desço no ponto de ônibus aqui do lado e sempre vejo o abuso. É uma verdadeira falta de respeito, até mesmo com os clientes?, opina Marilene.

Carlos Alberto Mendes, gerente do supermercado, disse que não existe outra maneira de se fazer a descarga das mercadorias. ?A única passagem é por ali?, alegou. Carlos diz que foi feito um acordo com a Codetran, que permitiu a descarga dos caminhões no local.

Codetran impôs regras

José Alvercino Ferreira, chefão da Codetran, confirmou o acordo. ?A gente colocou uma placa com os horários permitidos pra carga e descarga. No acordo ficou firmado que o supermercado não pode trabalhar com movimentação fora do depósito nos momentos de entrada e saída do colégio São José?, esclarece.

Zé disse ainda que a permissão da Codetran foi de estacionamento pra carga e descarga e não pro uso da calçada. ?A secretaria de Urbanismo também já tá sabendo e acompanhando o caso?, contou.

  •  

Deixe uma Resposta