• Postado por Tiago

INTERNA_21_base_-Buracos-rua-Paulo-Herbert---Cabeçudas_leitora-(2)

O cocô líquido escorre a céu aberto, pra desespero dos moradores

Os moradores da rua Paulo Herbert, no bairro de Cabeçudas, em Itajaí, não sabem mais o que fazer pra se livrar do problemaço que atormenta a todos. Buracos estão por todos os lados e como se não bastasse, um maldito esgoto teima em jorrar de uma boca de lobo da rua. ?Ninguém aguenta mais o fedor?, reclama uma das moradoras.

O povão diz que o problema segue sem solução há alguns meses. As empreiteiras contratadas pela prefa e o peões do serviço de água e esgoto (Semasa) já estiveram no local dezenas de vezes e não conseguiram dar jeito no perrengue. ?Eles abrem e fecham a rua e tudo fica sempre do mesmo jeito?, lasca a leitora.

Cagada da empreiteira

Na semana passada o então subprefeito do bairro Fazenda, Mário César, tascou a responsabilidade pra cima da empreiteira EIT. Disse que a empreiteira não fez direito os serviços de repavimentação da rua.

Mário César, que já deixou o cargo de subprefeito, acusou a empresa EIT de ter aterrado mal a rua quando fez os serviços. Por isso, o chão cedeu e a peãozada da subprefeitura teve que abrir a rua pra ver o que tava pegando. Foi aí que descobriram vários canos quebrados, o que explicaria tanto vazamento, esgoto entupido e a fedentina terrível que se espalha pela vizinhança.

Ontem o atual subprefeito do bairro Fazenda, Jailson Fernandes, disse ao DIARINHO que tinha uma reunião marcada com o secretário de obras, Tarcísio Zanelatto, pra definir de que forma o trampo será feito na rua Paulo Herbert. Somente na semana que vem é que vai poder dizer o que será feito pra acabar de vez com o problemaço dos moradores das Cabeçudas

  •  

Deixe uma Resposta