• Postado por Tiago

Os milicos da Capital do Pirão tiveram que usar até bala de borracha pra acalmar o motoqueiro P.P.F., 51 anos. O espertalhão ficou endemonhado quando descobriu que tinha feito tanta merdança no trânsito que ia ficar sem habilitação e a cabrita placa MFH 4449 (Barra Velha). A perseguição começou no final da tarde de quarta-feira, quando o doidivas tava dando umas bandas de motoca pelas ruas de Barra Velha com a família.

Ao ver os meganhas, o tiozinho saiu costurando no trânsito, levando na garupa a mulher e uma criança de dois anos, que tava sem capacete. Ao ser parado, o motoqueiro ainda se pegou de macho e quis partir pra cima dos milicos.

A treta rolou quarta-feira, por volta das 19h, no bairro São Cristóvão. P. tava dando umas bandas com uma muié e um anjinho de dois aninhos, quando tentou siscapar dos policiais, na rua Valdemar Francisco.

O motoqueiro encontrou a baratinha, mas meteu a mão no acelerador, pra fugir dos homisdalei que tavam grudadinhos na sua cola. A perseguição só acabou na marginal da BR-101, em frente ao motel Sereia. O valentão foi levado pro hospital pra fazer um curativo e depois entregue na delegacia.

Depois de um batepapo com o dotô, assinou um documento se comprometendo a sisplicar pra dona justa da confusão e depois foi liberado.

  •  

Deixe uma Resposta