• Postado por Tiago

Um rapazinho passou dessa pra uma melhor depois de ter sido atropelado por um bebum no acostamento da BR-101, pertinho do viaduto do bairro Nova Esperança, em Balneário Camboriú. O pobrezinho engrossou a lista de mortes nas estradas catarinas durante o feriadão. Até ontem sete pessoas já tinham partido pro além em porradaços pelas rodovias da Santa & Bela.

Era por volta das 18h de sábado quando Jeferson Luiz Chagas de Campos, 23 anos, parou seu possante Corsa, de placa MDI-4138 no acostamento do quilômetro 138 da BR-101, próximo da loja de lanchas chicosas Só Náutica. O moço queria mexer na caixa de som do carro, no porta-malas, e não imaginava que seria vítima de uma tragédia.

O coitado tava distraído quando Felipe Reinner, que pilotava o carrão Bora, placa MIA-3750, saiu da pista e o acertou em cheio. Com o porradaço, Jeferson já caiu na chón malemal.

O pessoal da puliça Rodoviária Federal, que foi chamado pra atender o acidente, percebeu que Felipe tava manguaçado. Mesmo diante da insistência dos puliças, o cara fez beicinho e se negou a soprar o bafômetro. Ele foi levado pra depê e ganhou o teje preso.

Jeferson foi socorrido pelos amarelinhos da Autopista Litoral e levado pro hospital Santa Inês, em estado grave. Ele não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo pouco tempo depois.

O corpo do rapazinho foi enterrado no domingo no cemitério da Barra, no Balneário. Horas mais tarde, a dona justa aceitou um pedincho de liberdade provisória, feito pelo advogado de Felipe, e ele ganhou as ruas.

Em Navegantes um acidente envolvendo uma moto e um carro, de Blumenau, mandou duas pessoas pro hospital. Por volta das 10h15 de ontem, o motoboy Michael Muller, 25 anos, trafegava com o amigo Geovani Bonelli, na moto, placa MAV 4177 na BR-470 quando teve a frente cortada por uma caranga. O motorista do Golfe, que não teve o nome divulgado, saiu do acidente sem nenhum ferimento.

Movimento intenso

O vai-e-vem de carangos foi grande ontem durante o dia na BR-101, principalmente no sentido sul-norte. O trânsito ficou lento desde a saída de Porto Belo até a ponte de Navegantes, e os motoras precisaram redobrar a atenção.

Mesmo assim, o balanço da PRF foi positivo. No trecho coberto pelo posto de Itapema, até o final da tarde de ontem só dois acidentes leves tinham sido registrados.

  •  

Deixe uma Resposta