• Postado por Tiago

Um caminhoneiro da empresa Central Alimentos, de Itajaí, passou momentos de terror nas mãos de bandidos. Ele foi sequestrado em Itapema, na quarta-feira, e ficou preso num cativeiro até a manhã de ontem, quando finalmente foi solto pelos trastes, em Balneário Camboriú. O bruto foi encontrado horas depois, abandonado no bairro dos Estados.

Eduardo da Rosa, 28 anos, fazia uma entrega na Várzea, em Itapema, quando um motoqueiro encostou ao seu lado e perguntou se ele trampava pra Central Alimentos. O rapaz respondeu que sim, e nisso um outro traste pulou pra dentro da cabine, com uma pistola na mão e anunciou o assalto.

O caminhoneiro foi obrigado a dirigir até a BR-101. Então, o assaltante o mandou parar e entrar num Corsa branco, que tava estacionado no acostamento. Dentro do carro, outro bandido armado amarrou seus pulsos, tampou seus olhos com uma touca e seguiu pra uma baia. Eduardo diz ter ouvido vozes de uma mulher e de criança, mas não soube dizer onde tava.

Só ontem de manhã os bandidos o levaram pras margens da rodovia, em Balneário Camboriú, e o soltaram. O rapaz pediu ajuda e conseguiu avisar à puliça que seu caminhão tava com a quadrilha.

O bruto foi achado horas depois, na esquina da rua São Paulo com a Rio Grande do Sul, na Maravilha do Atlântico. Todo o carregamento de alimentos tinha sido levado e o caminhão tava abandonado. A polícia não conseguiu achar os sequestradores.

  •  

Deixe uma Resposta