• Postado por Tiago

O Ministério Público da Santa & Bela entrou ontem com uma ação civil pública contra o prefeito da capital manezinha, Dário Berger (PMDB), e o ex-secretário de Turismo, Cultura e Esportes de Floripa, Mário Roberto Cavalazzi, na dona justa. Os promotores alegam que houve treta na contratação da árvore de Natal e também acharam rolos no remanejamento de 13 milhões de reales no orçamento pra fazer o festerê do fim do ano na capital.

As empresas Palco Sul Eventos Ltda., Feeling Eventos Ltda., On Projeções S/A e Beyondpar Assessoria e Marketing Ltda, além do secretário-adjunto de Turismo, Cultura e Esportes, Aloysio Machado Filho, e da assessora jurídica da pasta, Daniela Secco, também podem ter que se explicar pra dona justa.

  •  

Deixe uma Resposta