• Postado por Tiago

A polícia tá à cata de um safado que estuprou uma mulher de 32 anos, vítima de um sequestro relâmpago que rolou em Balneário Camboriú e terminou em Camboriú. A mulher procurou a polícia na noite de quinta-feira dizendo ter sido estuprada por um dimenor. O bandido e um comparsa abordaram a vítima na rua 2000, no centro de Balneário Camboriú, e aprontaram poucas e boas.

A coitada contou pros homisdalei que foi abordada pelas 21h. Ela estava dentro de um Celta, que não teve a placa divulgada, quando apareceram os dois caras maquinados. Eles apontaram o trabuco pra mulé, a ameaçaram de morte, e mandaram tocar adiante. Na mira do revólver, a motorista teve que dirigir até a deserta estrada dos Macacos, em Camboriú.

Como se não bastassem os momentos de terror, no meio da estrada o malencarado que estava ao seu lado mandou parar. Ele tirou a roupa da mulher e a obrigou a fazer safadezas. O nojento, que aparentava ser menor de idade, não largou a mão do trabuco e abusou da coitada.

O estuprador e o comparsa abandonaram a mulher num terreno baldio da estrada geral e simandaram com o possante. Levaram também três malas recheadas com cosméticos.

A vítima caminhou pela via, pediu ajuda na vizinhança e registrou a treta na puliça. Fez exame de corpo delito pra constatar o abuso. A polícia civil assumiu a bronca e promete ir atrás dos bandidos.

  •  

Deixe uma Resposta